domingo, 12 de setembro de 2010

Câmara concede título de cidadã a juíza Ana Lucrecia

A honraria é resultado do reconhecimento aos relevantes serviços prestados à população montealtense

Montes Altos – Em sessão solene realizada na última sexta-feira (10), a Câmara Municipal de Montes Altos, concedeu à juíza Ana Lucrecia Reis Sodré(Foto), o título de Cidadã Montealtense. A proposição, de autoria do vereador-presidente Cirilo Neres Cardoso (PTB), é resultado do reconhecimento aos relevantes serviços prestados à população.O vice-presidente da Câmara Municipal, vereador Clailton Silva presidiu a sessão solene devido à ausência vereador-presidente Cirilo Neres, que viajou para acompanhar o tratamento de saúde do irmão no Piauí.
Prestigiaram a cerimônia os pais da magistrada, o casal de advogados Gregório Sodré Neto e Miriam Bezerra Sodré, a avó Josefa Pereira Fialho; o esposo Marlon Reis, juiz da comarca de João Lisboa; os serventuários da justiça Emanuel Toste, Cleudes Silva, Pedro Michel e Maria de Jesus, da comarca de Montes Altos.
O vereador Aldefran Barbosa, que participa apenas uma vez por mês das sessões ordinárias devido ao tratamento de saúde que realiza em São Luís, falou da satisfação em estar presente na solenidade de concessão da maior honraria do município a juíza Ana Lucrecia Reis Sodré. “É com alegria e satisfação que sabemos que a magistrada está contribuindo para o desenvolvimento de Montes Altos”, assinala.
Em sua fala, o vereador José Garibaldi saudou a juíza Ana Lucrecia felicitando-a pela honraria que a homenageia como cidadã montealtense, conclamando-a a contribuir na defesa das causas sociais do povo humilde de Montes Altos. “Queremos esse momento fique marcado na vida de cada uma que contribui com o desenvolvimento desta cidade”, frisa.
Miriam Bezerra Sodré, mãe da juíza Ana Lucrecia, classificou a cerimônia como “um momento honroso ao ser homenageada pelos membros do Poder Legislativo de Montes Altos”. “Nós sabemos o quanto é agradável ao nosso coração sabemos que do fruto do nosso trabalho, e da nossa filha, que dedica-se ao máximo de si por Montes Altos”, disse ela. “Queremos agradecer a generosidade e a iniciativa dos vereadores que concederam essa homenagem a nossa filha Ana Lucrecia”, declarou Gregório Sodré Neto, pai da juíza de Montes Altos.
O juiz Marlon Reis, esposo da homenageada, assinala que “o reconhecimento do título é bem cabido, pois chega às mãos de uma mulher que verdadeiramente ama o seu trabalho, sofre com as dificuldades, e conhece os obstáculos que se apresentam, inclusive com coragem incomum para enfrentá-los”. “Ela (Ana Lucrecia) sabe aonde quer levar o Judiciário, com as preocupações mais elevadas de um juiz, pois essas preocupações não são de agradar ninguém, mas sim a de promover a Justiça”, enfatiza.
Na ocasião, a juíza Ana Lucrecia assinalou “que divide a homenagem com cada servidor da Justiça de Montes Altos, pois reconhece a dedicação e os esforços dos funcionários em prestar o melhor atendimento à população em geral”. “Sinto-me honrada em trabalhar com cada um de vocês”, completou.
A magistrada, que chegou a comarca no final de 2008, disse que ficou praticamente um ano afastada em função da gravidez, começando efetivamente o trabalho em 25 de novembro do ano passado, onde se deparou com um acúmulo de 2500 processos, trabalho que tem sido árduo para todos os serventuários do Judiciário.

Nenhum comentário:

Postar um comentário