quarta-feira, 1 de setembro de 2010

TSE pede substituição de peça publicitária

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) solicita às emissoras de rádio e de TV que suspendam a veiculação da peça “Pesquise o passado versão 2 - Falso dentista”, que faz parte da campanha de conscientização do eleitor promovida pelo Tribunal. As emissoras devem substituir, a partir desta quarta-feira (1/9), a veiculação da peça pelo filme e pelo spot “Pesquise o passado versão 1 - Entrevista de emprego”, que já foi enviado às emissoras na primeira fase da campanha.
A decisão se deve a uma solicitação do Conselho Regional de Odontologia (CRO) de São Paulo, que considera que as peças deturpam a imagem de cirurgiões-dentistas.
A Lei das Eleições (nº 9.504/97) requisita até dez minutos diários da programação das emissoras de rádio e TV para veiculação de mensagens de conscientização e esclarecimento do eleitor. O TSE informa que, em breve, encaminhará novas peças e novo plano de mídia da terceira fase da campanha.
Dúvidas podem ser esclarecidas pelo telefone (61) 3224-7828, de segunda a sexta-feira, das 8 às 20 horas, ou pelo site WWW.eleicoes2010jus.br.

Nenhum comentário:

Postar um comentário