segunda-feira, 10 de outubro de 2011

Socorrinho

Olha uma criança que é levada ao Hospital Municipal de Emergencia Pediatrica(O socorrinho)como uma simples febre, irá ficar internada graças a situação em que se encontra o local. Ou seja, se não estiver doente ficará. Lamentável.
E nestes dias quentes, as enfermarias se transformam em caldeiras em função da fraca ventilação.
E tem mais, as cadeiras são presas em correntes como se fosse um presídio e olha que lá são internadas recém nascidos e bebês.
Simplesmente lamentável o funcionamento deste hospital.
Na segunda-feira, mães e pais que levaram filhos para serem atendidos tiveram que esperar mais de duas horas para um simples atendimento.
Tiveram que chamar a imprensa.
Assim, fica dificil para o prefeito que tenta a reeleição e é obrigado a trabalhar sozinho, desde a articulação a execução dos serviços.

Nenhum comentário:

Postar um comentário