terça-feira, 6 de dezembro de 2011

Economia fica estagnada no 3º trimestre de 2011, aponta IBGE

O principal motivo foi a queda da atividade na indústria e em serviços

De acordo com o balanço divulgado, nesta terça-feira, pelo IBGE, a economia brasileira ficou estagnada no terceiro trimestre de 2011, em comparação com o desempenho no trimestre anterior. O principal motivo foi a queda da atividade na indústria e em serviços. Segundo o levantamento, o crescimento do PIB, Produto Interno Bruto, que significa toda a riqueza gerada no país, ficou em zero por cento no período. Em valores reais, o PIB ficou acima de um trilhão de reais. Neste tipo de comparação, ou seja, trimestre contra trimestre, este foi o pior resultado, desde o primeiro trimestre de 2009, o ano da crise global, quando o PIB caiu um vírgula sete por cento em relação ao quarto trimestre de 2008. Mas, de acordo com o IBGE, o resultado está de acordo com as estimativas dos analistas, que oscilava da queda de zero vírgula trinta por cento à expansão de zero vírgula sessenta por cento para o PIB deste ano. O destaque positivo no período foi a agropecuária, com aumento de três vírgula dois por cento. Já os setores de indústria e serviços tiveram variações negativas de menos zero vírgula nove por cento e menos zero vírgula três por cento, respectivamente.

Reportagem, Juliana Costa

Nenhum comentário:

Postar um comentário