terça-feira, 6 de março de 2012

Médias empresas sofrem mais dificuldades no início do ano, aponta Serasa

Dados indicam alta nos pedidos de falências no primeiro bimestre de 2012.

Uma pesquisa divulgada nesta segunda-feira pela Serasa Experian mostra que as empresas brasileiras de médio porte estão enfrentando mais dificuldades no início de 2012. O levantamento revela que o número de falências solicitadas por médias empresas cresceu trinta e cinco vírgula vinte e nove por cento em fevereiro deste ano na comparação com fevereiro de 2011 - foram 46 pedidos, contra 34 no mesmo mês de 2011. De acordo com a Serasa, no primeiro bimestre deste ano, se comparada aos dois primeiros meses do ano passado, a alta chega a dezesseis vírgula seis por cento – 77 pedidos contra 66, em 2011. Para Serasa Experian, a preocupação fica por conta mesmo das falências decretadas. De acordo com os dados, em fevereiro de 2012, um total de nove empresas tiveram falência decretada - alta de trezentos e cinquenta por cento, na comparação com 2011, quando esse número foi de apenas duas empresas. A situação das micro e pequenas empresas é melhor. Segundo o relatório da Serasa, no caso dessas empresas, houve uma queda de quinze vírgula noventa e cinco por cento nos pedidos de falência, em fevereiro. As micro e pequenas empresas apresentaram, também, queda no número de falências decretadas em fevereiro, na comparação com o mesmo mês de 2011 - quarenta e um vírgula seis por cento.

Reportagem, Juliana Costa

Nenhum comentário:

Postar um comentário