sexta-feira, 27 de julho de 2012

Dia do Motociclista é comemorado com muita reflexão sobre os índices de acidentes



Ontem, (27) foi comemorado o dia do motociclista. É uma data adequada para que os motociclistas repensem suas condutas no trânsito, uma vez que os números de acidentes envolvendo motos ainda são altos. De acordo com dados da Secretaria Municipal de Trânsito, dos 95 mil veículos cadastrados na cidade, 45 mil são motocicletas, motonetas e ciclomotores. Junto com o aumento destes números é notável também o crescimento de acidentes envolvendo esse tipo de veículo. Segundo o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), Imperatriz registrou 993 acidentes com motos só nos primeiros seis meses deste ano. 
O número de vítimas fatais também cresceu. Foram 20 acidentes com morte no primeiro semestre de 2012. No mesmo período do ano passado foram registrados nove mortes. O Samu registrou 1.889 acidentes com 2.140 vítimas lesionadas, já no ano passado, no mesmo período, foram registrados 1.702 com 1.891 vitimas lesionadas, um aumento de quase 10% no número de acidentes.
Ainda segundo informações do Samu, o perfil dos acidentes de trânsito é a colisão entre carro e moto, no centro da cidade, no período da tarde, com homens na faixa etária de 21 a 30 anos, nos dias de sábado e domingo.
Iniciativa - Para tentar diminuir este índice de acidentes, a Motoca, revendedora de motos da cidade, desenvolve o projeto "Harmonia no trânsito", com o objetivo de reeducar os condutores de motocicletas a uma melhor postura no trânsito da cidade. O instrutor de pilotagem da Motoca, Marcelo Stoffel, diz se sentir satisfeito em poder fazer a diferença por meio das ações desenvolvidas pela campanha: “Quando realizamos os cursos de pilotagem, enfatizamos que é preciso desfazer o mito de que moto é um veículo perigoso, pois entendemos que é o condutor quem faz os riscos quando não pilota com prudência”, afirma. As principais ações são: palestra de sensibilização, moto check-up, curso de técnicas de pilotagem teórico e prático, entre outras. Todo esse processo é gratuito. 
Carol Mendes, psicóloga da Motoca, em suas palestras de sensibilização, fala que todos os que dividem as ruas precisam ter consciência de que só com um trânsito mais harmonioso será possível diminuir o número de acidentes. “Quando visitei o Hospital Público Socorrão, fiquei impressionada com a quantidade de pessoas que sofreram acidentes envolvendo motocicletas”, disse Carol Mendes. Segundo a psicóloga, os propósitos da campanha Harmonia no Trânsito são justamente abordar conceitos de uma conduta responsável no trânsito e a prevenção de acidentes.
Serviço - Para solicitar as atividades da campanha "Harmonia no trânsito" na sua empresa, entre em contato pelo e-mail "leda@motoca.com.br" ou pelo facebook "http://www.facebook.com/motoca.motores".
 Contatos:
Assessoria de Comunicação da Motoca Motores
(99) 3526-3485
contato2@palavracomunicacao.com.br
Equipe da Palavra Assessoria de Comunicaçã

Nenhum comentário:

Postar um comentário