segunda-feira, 25 de fevereiro de 2013

Prefeitos do Cerrado Sul e Região Tocantina reúnem com Sebrae a partir desta terça


Eventos são realizados em Balsas, Grajaú, Imperatriz e Açailândia com objetivo de fortalecer as parcerias institucionais

O Sebrae inicia, a partir desta terça-feira, 26, a programação do Encontro com Prefeitas e Prefeitos Eleitos e Reeleitos do Maranhão. Os eventos desta primeira etapa acontecem nas Regiões do Cerrado Sul e Tocantina, tomando lugar nas cidades de Balsas (26/02), Grajaú (27/02), Imperatriz (28/02) e Açailândia (01/03).
A estratégia do Sebrae tem por objetivo fortalecer parcerias institucionais e ampliar o número de municípios que regulamentaram e implementaram a Lei Geral das Microempresas e Empresas de Pequeno Porte.  Os encontros vão ser conduzidos pelo presidente do Conselho Deliberativo do Sebrae-MA (CDE) e secretário de Estado de Agricultura, Pecuária e Pesca, Cláudio Azevedo, acompanhado pela Diretoria Executiva da instituição, bem como pelo staff de técnicos das Unidades Regionais.
Além dos prefeitos, os eventos contam com a presença de secretários e autoridades municipais, representantes de bancos oficiais e de órgãos como universidades, Embrapa, Agência Estadual de Defesa Agropecuária (Aged), Agência Estadual de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural do Maranhão (Agerp), Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf).
"Acreditamos no desenvolvimento sustentável, onde as mudanças afetam o presente e o futuro da população. O Sebrae equacionou seus projetos e soluções nessa perspectiva, buscando alcançar resultados que promovam o desenvolvimento local por meio dos pequenos negócios", sinaliza Cláudio Azevedo, ressaltando que o Sebrae não  trabalha sozinho. "A parceria entre o poder público, a população, os órgãos e instituições, a iniciativa privada e os bancos cria um ambiente favorável para que as mudanças aconteçam de maneira positiva na vida das pessoas e em benefício do município, com melhorias nos mais diversos aspectos".
Durante os encontros, o Sebrae vai premiar, com troféu e certificado, os prefeitos reeleitos dos municípios que tiraram a Lei Geral do papel em 2012. "Mais do que regulamentar, é importante que os municípios tenham a legislação implementada, o que favorecerá aos empreendedores locais usufruir dos benefícios nela previstos, tais como prioridade em compras públicas até R$ 80 mil, desoneração fiscal, mais facilidade na obtenção de crédito, acesso à tecnologia, formalização e outros", destaca Azevedo.
A agenda dos encontros com os gestores do executivo municipal continua até março, com a realização dos eventos em Santa Inês (05), Bacabal (06), Presidente Dutra (07), Caxias (08), São Luís (13), Chapadinha (19), Barreirinhas (20) e Pinheiro (21). Na capital São Luís, o encontro fará parte da programação do Seminário "Tribunal de Contas e o Desenvolvimento Local", promovido pelo Sebrae e os TCEs em todo o país, no sentido de consolidar a parceria das duas instituições em 2013 quanto à implementação da Lei Geral.
Desenvolvimento local
Yves Ribeiro, ex-prefeito de Paulista, município do estado de Pernambuco, acompanhará a comitiva do Sebrae na primeira semana dos encontros, ministrando a palestra "Desenvolvimento municipal baseado nos pequenos negócios". O palestrante destacará o quanto a vontade política pode ser decisiva para mudar a realidade local, promovendo o empreendedorismo e favorecendo, com isso, que a economia e a arrecadação municipal sejam representativas.
"O enfoque especial da palestra é voltado para a importância da Lei Geral como oportunidade para o município estruturar políticas públicas dirigidas ao desenvolvimento econômico e social local e territorial, bem como para os mecanismos que incentivam tal desenvolvimento. Além disso, faremos a apresentação do Projeto de Implementação da Lei Geral e dos instrumentos de apoio aos municípios para regulamentação e implementação da legislação", informa a gerente de Políticas Públicas do Sebrae, Cristiane Corrêa.
Com uma carreira política iniciada em 1977 como vereador da cidade pernambucana de Igarassú, Yvez Ribeiro já foi prefeito das cidades de Itapissuma, Igarassú e Paulista - todos por dois mandatos.    Recebeu diversos prêmios no exercício de gestor municipal, dentre eles o de Prefeito Empreendedor do Estado de Pernambuco em 2010 e 2011, sendo finalista nacional em 2010 - a premiação é concedida pelo Sebrae com objetivo de  identificar, valorizar e difundir ideias criativas e efetivas que estimulem a implantação e o sucesso de micro e pequenas empresas nos municípios brasileiros.

Polícia desarticula duas quadrilhas de assalto a cargas que agiam na região Tocantina

 Lider do bando, Junior Potassa

Ildberg
 
 e    Gilberg Delfino


Duas ações policiais deflagradas no fim semana, resultaram na desarticulação de duas quadrilhas que agiam na região Tocantina, especializadas em assaltos a cargas. Nas ações, que ocorreram no sábado (23) e domingo (24), foram detidas nove pessoas.
Numa das ações, o Serviço de Inteligência da Secretaria de Segurança Pública (SSP), em conjunto com a 10ª Delegacia Regional e 3º BPM, ambos sediados em Imperatriz, e ainda com o apoio da Polícia Civil de Tocantins, desarticulou no último fim de semana uma quadrilha suspeita de envolvimento com roubo de cargas de cigarro. De acordo com a polícia, o bando é responsável por diversas ações criminosas no Maranhão e Goiás.
A quadrilha foi localizada em uma fazenda no município de São Miguel do Tocantins. No local foram presos Bernardo Alves de Sousa Junior, conhecido como "Júnior Potassa", considerado líder do bando; Gilberg Delfino de Sousa; Ildberg Delfino de Sousa, irmãos de "Júnior Potassa"; Gilvan Lopes dos Santos; João Batista da Silva Lima; José Luis Lima Neto e Pablo Carneiro Santos, todos maranhenses.
Segundo informações policiais, a quadrilha vinha sendo monitorada há algum tempo. A polícia descobriu ainda que o local onde o grupo foi detido, de propriedade de "Junior Potassa", era usado para esconder o material roubado.
Foram apreendidos quatro veículos, sendo uma caminhonete Ford f-250 branca, de placas MWL-7486; um Fiat Strada prata NVQ-6913; um Fiat Uno azul HPN-0447; e ainda um Gol, de cor preta, placas JVA-7596; diversas munições de calibre ponto 40, 9mm e 38; além da quantia de R$ 4.500. Os assaltantes e os objetos apreendidos foram encaminhados à Delegacia Regional de Augustinópolis (TO).
Todos os integrantes da quadrilha foram autuados em flagrante delito pelos crimes de formação de quadrilha e posse de munições de uso restrito. Eles permanecem detidos no estado de Tocantins à disposição da Justiça.
Segundo a polícia, três deles tinham mandados de prisão em aberto; Bernardo Alves, pelos crimes de roubo e homicídio; José Luís, por roubo e tráfico, e Pablo Carneiro, por roubo.
Junior Potassa também está envolvido na morte de um vendedor na JK e que culminou com a tentativa de assassinar o carona onde estava a vitima. O carro dirigido por Junior na ocasião da tentativa ainda hoje se encontra no acesso a ponte Dom Gregory, já totalmente depenado.
 
Outra ação
Em outra ação, também realizada pelo Serviço de Inteligência da Secretaria de Segurança (SSP), foi localizado um caminhão de cargas que transportava secos e molhados. O caminhão Ford cargo, de cor prata, de placas NIW-4309, da empresa J.Batista, havia sido roubado no Piauí, no último sábado (23). O veículo tinha como destino a cidade de Imperatriz.
 O caminhão foi avistado às margens da BR-010, em frente ao posto de combustível Vale do Sol, na entrada da cidade de Imperatriz, no momento em que se realizava a retirada da carga para um veículo Gol, cor branca, com placas JTQ-6483.
Na abordagem policial, foram detidos Vandeilson Ferreira da Silva,de 26 anos, e Raimundo Nonato da Silva Sousa, 25, ambos naturais da cidade de Imperatriz.  Após receber voz de prisão, a dupla foi conduzida à 10ª Delegacia Regional, em Imperatriz, onde foi autuada pelo crime de receptação pelo delegado Jeferson Serra. Vandeilson e Raimundo permanecem detidos na delegacia regional à disposição da Justiça.

É Pra Valer! Estrada do Arroz, será pavimentada, garantiu Luis Fernando.


Luis Fernando garantiu a pavimentação da Estrada do Arroz. Processo
já terá inicio em Março de 2013.

O secretário de Estado Chefe da Casa Civil e de Infraestrutura, Luis Fernando Silva, por determinação da governadora Roseana Sarney (PMDB), anunciou que o Governo do Estado fará pavimentação da Estrada do Arroz, que liga os municípios de Imperatriz a Cidelândia. Segundo Luis Fernando a obra está incluída no projeto “Viva Maranhão”. A licitação terá inicio em março de 2013 a previsão para o inicio das obras é que seja em Julho de 2013.
Estrada do Arroz: MA que liga os municípios de Imperatriz a Cidelândia
O projeto será executado com recursos do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), que já liberou R$ 1 bilhão em empréstimo para “Viva Maranhão”, projeto esse que Luis Fernando foi escolhido pela governadora Roseana para ser o coordenador.
O auxiliar da Governadora Roseana Sarney, Luis Fernando, falou com exclusividade ao blog sobre a obra e o programa "Viva Maranhão".
“No programa que a governadora pediu que eu coordenasse, que é o ‘Viva Maranhão’ um programa financiado pelo BNDES, é claro que eu não poderia deixar de incluir neste projeto a pavimentação da Estrada do Arroz, que liga dois importantíssimos municípios da Região Tocantina, Imperatriz e Cidelândia, sobretudo o fortalecimento da Agricultura Familiar promovendo qualidade de vida as famílias que residem em diversos povoados ao longo da Estrada do Arroz.” Destacou.
O desenvolvimento social e econômico que será proporcionado à população da Estrada do Arroz estará diretamente ligado a principal meta do programa “Viva Maranhão” que é o combate a pobreza extrema no Estado do Maranhão.

Com toda sua arrogância, Flávio Dino acusa TRE de fraudar as eleições de 2010...

Agora o presidente da Embratur, Flávio Dino (PCdoB), pegou pesado. Depois de ter batido boca com um juiz do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) do Maranhão na eleição do ano passado (reveja), o comunista acusou toda a Corte de ter fraudado a eleição de 2010, quando Roseana Sarney (PMDB) reelegeu-se governadora.
Em discurso durante o encontro regional do PDT em Imperatriz, no sábado (23), ele disse que a diferença de 0,08% dos votos válidos que garantiram a vitória da peemedebista no 1º turno foi “decretada na calada da noite” na Corte Eleitoral.
“Nós ganhamos a eleição, porque foi decretado fraudar a eleição no Tribunal Regional Eleitoral, na calada da noite, para conseguir uma diferença de oito centésimos. Oito centésimos, que parece coisa de corrida de Fórmula 1. Oito centésimos, que é menos que um décimo, dois mil votos, nos separaram do 2º turno”, acusou Dino.
E não foi só. Antes, ele já havia falado em “jogo de cartas marcadas” no TRE. “O Marco Aurélio, que está aqui, lembra junto comigo do que nós enfrentamos no TRE do Maranhão. Lembra do jogo de cartas marcadas que estava ali colocado”, afirmou.
O comando da Justiça Eleitoral no estado, que terá novo presidente hoje (25), deve se posicionar sobre o caso.
Do Blog do Gilberto Leda

Luis Fernando é efetivado na Sinfra; Governo começa a mudar secretários


A governadora Roseana Sarney (PMDB) decidiu iniciar esta semana a série de mudanças que deve fazer no primeiro escalão do Governo do Estado.
Já está confirmada a efetivação de Luis Fernando como secretário de Infraestrutura – cargo que ele vinha ocupando interinamente desde o mês passado – e sua substituição na Casa Civil pelo empresário João Abreu.
Além disso, na quinta-feira (28) a peemedebista dará a posse ao novo secretário de Estado de Administração Penitenciária, o delegado Sebastião Uchôa, em substituição a Sérgio Tamer.
Na Articulação Política, ainda comandada por Hildo Rocha, que acumula também a função de secretário de Cidades, deve assumir o ex-secretário de Trânsito e Transportes de São Luís, Clodomir Paz.

Fórum da Estrada do Arroz realiza seminário



De 1º a 3 de março, o Fórum da Defesa da Cidadania e do Desenvolvimento das Comunidades da Estrada do Arroz realizará o seminário "Estrada do Arroz: desafios e perspectivas", que apresentará painéis sobre a situação dos povoados e moradores dessa região rural entre Imperatriz e Cidelândia, sobretudo quanto às condições da estrada e políticas públicas.
Do seminário tomarão parte representantes de instituições públicas e da sociedade civil, entre as quais a Prefeitura de Imperatriz, Governo do Estado do Maranhão,Câmaras Municipais de Imperatriz e Cidelândia, Promotorias Públicas, UEMA, UFMA, dentre outras. O evento é totalmente organizado e custeado pelo próprio Fórum da Estrada do Arroz, com a colaboração de apoioadores -- pessoas físicas e outras entidades.
Atualmente, na Estrada do Arroz, no município de Imperatriz, está sendo instalado um dos maiores empreendimentos mundiais da área de celulose -- uma fábrica da Suzano Papel e Celulose --, que produzirá pasta de celulose para exportação, o que vem causando fortes impactos às populações rurais da região, pelo aumento do tráfego de veículos pesados na única estrada de acesso, não asfaltada, compromentendo o trânsito da população e a normalidade dos transportes coletivos, com constantes interrupções e cortes da vicinal. Além disso, verificam-se impactos sociais, ambentais e econômicos, que também serão abordados.
A Estrada do Arroz é, na verdade, uma região rural do município de Imperatriz, que começou a ser ocupada há exatos 60 anos, a partir de 1953, com a entrada de migrantes nordestinos, a primeira onda migratória no sudoeste maranhense. Esse processo de ocupação foi responsável pela formação de dezenas de povoados, todos eles no território de Imperatriz, entre a Rodovia Belém-Brasília e o rio Tocantins, até  a divisa com o Pará. Três dessas povoações tornaram-se cidades, sede dos municípios de Cidelândia, Vila Nova dos Martírios e São Pedro da Água Branca. Atualmente, apenas o trecho entre Imperatriz e Cidelândia -- onde estão situados 14 povoados, 12 somente no território de Imperatriz --, não é asfaltado. É exatamente essa a maior revindicação do Fórum.
O Fórum da Estrada do Arroz foi criado em setembro de 2011, com sede no distrito de Cidelândia, com o  objetivo de promover discussões sobre o desenvolvimento socioeconômico e ambiental e políticas públicas nas comunidades daquela área rural -- 14 povoados entre as cidades de Imperatriz e Cidelândia. Reúne-se mensalmente, por rodízio, em cada uma das comunidades -- Petrolina, São José da Matança, Vila Conceição, Olho d’Água dos Martins, Bacaba, Esperantina, Açaizal, Altamira, Viva Deus e São Félix, no município de Imperatriz; e São Francisco e São Domingos, no município de Cidelândia.
A taxa de inscrição é do seminário e R$ 20,00. A abertura será no dia 1º de março, às 19h30, no auditório do Palácio do Comércio (Associação Comercial de Imperatriz); as demais atividades serão no distrito de Coquelândia (sábado, dia 2, das 8h às 17h; domingo, dia 3, das 8h às 12h, com direito a almoço). Um ônibus sairá de Imperatriz (da frente da UEMA), às 7h da manhã, no sábado e no domingo. Contatos com a coordenação: (99) 9149-3907 / 3528-8004. (Da Assessoria)

Lei Estadual de Incentivo à Cultura beneficia projetos culturais no Maranhão


Desde que começou a operar, de outubro de 2012 a janeiro de 2013, a Lei Estadual de Incentivo à Cultura já contemplou 23 projetos, segundo informações da Secretaria de Estado da Cultura (Secma). Funciona nos mesmos moldes da Lei Federal, também conhecida por Lei Rouanet, que permite a empresas e cidadãos investir em cultura.
A Lei Estadual de Incentivo à Cultura, que entrou em vigor em 2011, mas que começou a funcionar efetivamente a partir de 8 de outubro de 2012, se propõe a apoiar atividades e eventos de caráter artísticos, culturais e esportivos, selecionados por meio de projetos que são avaliados pela Secma.
Segundo a secretária executiva da Secma, Simei Santos, responsável pela Lei Estadual de Incentivo à Cultura, os projetos que são encaminhados à Lei de Incentivo são avaliados por uma comissão técnica e uma comissão de mérito, que analisam as documentações, de acordo com as regulamentações da Lei, relacionadas à cultura.
O primeiro projeto executado pela Lei Estadual de Incentivo à Cultura foi o "Festival de Música Popular" (Fesmap), do município de Pinheiro, que na sua 23ª edição contou com o patrocínio do Governo do Estado. No período carnavalesco de 2013, foram contemplados os processos do "Manobloco", da "Banda Bandida" e a 12ª edição do "Festival Maranhense de Música Carnavalesca".
Dentre os processos com duração de um ano, estão a "Banda do Bom Menino, do Convento das Mercês", o "Coral Canto Curumim" e "São Luís nos Quatro Cantos da Tela". Outros projetos ainda estão em processo de encaminhamento.
A "Banda do Bom Menino, do Convento das Mercês" oferece oportunidade a crianças e adolescentes por meio da música. Já o "Coral Canto Curumim", que é composto por 60 crianças de 4 a 13 anos, envolvidas no projeto de música do polo do Coroadinho, fez apresentações em eventos como a "Cantata Natalina" e o "Festival Maranhense de Coros (FEMACO").
O projeto "São Luís nos Quatro Cantos da Tela" consiste na elaboração de produções audiovisuais, ao capacitar e produzir curtas-metragens com alusão à cidade de São Luís. Este ano começa suas atividades ainda no mês de março.
Mais informações sobre a Lei Estadual de Incentivo à Cultura podem ser obtidas pelo telefone (98) 3226-1329 ou no portal da Secretaria de Estado da Cultura no endereço eletrônico - http://www.cultura.ma.gov.br.

Lideranças católicas refletem realidade dos grupos de jovens



A juventude católica da Diocese de Imperatriz se reuniu neste final de semana, no Centro de Treinamento Anajás, para refletir a realidade local dos grupos de jovens. O II Encontro Diocesano de Liderança Jovem integrou representantes de vários seguimentos da Igreja: Pastoral da Juventude, Renovação Carismática Católica, Movimento de Cursilhos de Cristandade, Legião de Maria e Novas Comunidades. O evento foi realizado pela Comissão de Juventude da Diocese.
As reflexões do encontro foram baseadas em três temas pertinentes para a Igreja Católica no ano corrente. Primeiro, a Campanha da Fraternidade 2013 (CF), a qual propõe uma discussão a respeito da juventude. O segundo é um chamado para os fiéis redescobrirem a sua fé, compreender melhor a fé em Deus e testemunhar em quem creem. E por último, a Semana Missionária, que ocorrerá entre os dias 16 a 20 de julho, onde a cidade de Imperatriz receberá cerca de 60 jovens missionários estrangeiros, os quais irão se preparar para Jornada Mundial da Juventude, no Rio de Janeiro.
De acordo com a Irmã Elaine Regina, membro da Comissão de Juventude, “é importante aprofundar os jovens nestes temas, primeiro para ficarem em sintonia com toda Igreja. Segundo para que eles possam difundir as informações a outros jovens. Também para que eles estejam preparados para receber os missionários que virão de outros países e junto vivenciarem essa troca de experiência de fé e cultura”.
O Encontro de Lideranças marca um período importante para a Diocese de Imperatriz, visto que reuniu jovens de seguimentos diferentes da Igreja. Diante isso, foi realizado um mapeamento sobre os grupos de jovens, onde  foram compartilhadas as dificuldades e ações de cada seguimento. “Foi muito importante esta unidade entre a juventude católica. Cada um com sua particularidade, formação, espiritualidade, forma uma unidade na diversidade, assim poderemos trabalhar juntos por uma sociedade melhor”, destacou Wyldiany Oliveira, representante da Pastoral da Juventude de Davinópolis.
Leanes Alves, da Renovação Carismática de João Lisboa, também ressaltou este momento de união entre as lideranças. “Tem sido relevante para a juventude. É um momento de testemunho da nossa fé e como jovens católicos precisamos estar inseridos nestes temas que envolvem a nossa Igreja, sobretudo, de forma coletiva. Sem dúvida, este encontro colaborou no nosso crescimento espiritual, conhecimento e partilha”.
O bispo da Diocese de Imperatriz, Dom Gilberto Pastana, durante um bate papo com as lideranças enfatizou um trecho do livro de Timóteo. “Que ninguém despreze você, Timóteo, por ser jovem. Mas você Timóteo, procure viver com fidelidade a sua fé, com coerência, dando testemunho, e sobretudo, testemunho de amor”. O bispo ainda acrescentou que “o jovem [Timóteo] é aquele que, desde cedo sentindo o chamado de Deus, transforma sua vida pelos os valores cristãos. Assim deve ser todo jovem católico. Aquele que transforma, testemunha Jesus Cristo e o segue o no seu dia a dia”.
(Paula de Társsia – Do Minuto)

José Antônio Heluy vistoria obras do Sine em Chapadinha e Itapecuru-Mirim


 
Equipamentos necessários ao funcionamento da sala de aula de qualificação profissional do Serviço Nacional do Emprego (Sine) em Chapadinha já estão instalados na nova sede do órgão, que está sendo erguido no Centro da cidade. Os avanços foram conferidos na última sexta-feira (22), durante vistoria realizada pelo secretário de Trabalho e Economia Solidária, José Antônio Heluy.
Ele estava acompanhado do vice-governador Washington Luiz Oliveira; da prefeita de Chapadinha, Dulcilene Belezinha; do secretário municipal de Trabalho, Zezinho Lima; além de autoridades locais.
O secretário explica que a sala de aula do Sine de Chapadinha funcionará dentro do sistema do Centro de Capacitação Tecnológica do Maranhão (Cetecma), ligado à Secretaria de Estado da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior. “As aulas e cursos a serem ministrados aqui estarão no calendário de cursos oferecidos pelo Cetecma, conforme parceria firmada com a secretária de Ciência e Tecnologia, Rosane Guerra”, esclareceu Heluy.
A instalação da antena, que terá comunicação via satélite, foi realizada na última semana; ocasião em que também foram instalados televisor, DVD, data show e outros equipamentos eletrônicos. A agência do Sine de Chapadinha também vai oferecer os serviços que já consagraram o Sine como o caminho mais curto entre o trabalhador e o empregador: orientação profissional, cadastro de trabalhadores, cadastro de vagas e empresas, seguro-desemprego e emissão de carteiras de trabalho digital.
Segundo Antônio Heluy, a governadora Roseana Sarney também autorizou estudos para implantação do programa Estágio Viva Primeiro Emprego, que oportuniza a primeira experiência no mercado de trabalho para os jovens que cursarem os cursos do Cetecma.
“É uma convergência de serviços que traduz o esforço conjunto que o Governo do Estado tem feito, entre as secretarias de Estado, para que as políticas públicas cheguem ao maior interessado, que é o nosso cidadão”, analisa o secretário de Trabalho. “A experiência de Chapadinha é considerada nosso projeto-piloto da união entre Sine e Cetecma e temos certeza que dará certo”, completou.
O vice-governador Washington Oliveira disse que a agência do Sine é uma concretização da parceria entre os governos Federal, Estadual e o município de Chapadinha. “É um exemplo de parceria institucional que dá certo e que é valorizado pela população, que precisa do serviço”, ressaltou.
Dulcilene Belezinha também agradeceu o esforço de José Antônio Heluy em levar o Cetecma para Chapadinha. “Nosso município precisa de iniciativas que contemplem a realização de cursos e o melhoramento de nossos profissionais. A parceria fortalece nossa população e as políticas públicas que precisamos. Só temos a agradecer”, destacou a prefeita.
 
Itapecuru-Mirim
Outra unidade do Sine que foi vistoriada foi a de Itapecuru-Mirim, que está em fase de implantação. A vistoria da obra de reforma e adaptação do prédio foi realizada pelo secretário de Trabalho, acompanhado do vice-governador e do prefeito de Itapecuru, Magno Amorim.
A Agência do Sine de Itapecuru também terá uma sala de aula do Cetecma, garantindo a chegada antecipada de cursos de qualificação profissional no município. Além de oferecer a emissão da carteira de trabalho digital no município, a Setres e a prefeitura estudam uma parceria com a Secretaria de Segurança Pública para a emissão do documento de identidade na agência.

Maranhão participará da Bolsa de Turismo de Lisboa



 
O Maranhão participará da Bolsa de Turismo de Lisboa, a BTL 2013, que acontecerá em Lisboa, a partir desta quarta (27) a sexta-feira (1o). A feira, que atrai investidores e operadores de diversos países, é mundialmente conhecida pelo número de contato que gera no segmento do turismo
A Bolsa de Turismo de Lisboa é um espaço para países e empresas dinamizarem negócios, conhecer e apresentar novidades turísticas. Presentes agentes de viagem, representantes de agências de turismo, de órgãos públicos, do setor hoteleiro, entre outros.
O Maranhão vai mostrar o seu potencial natural, cultural e gastronômico com destaque para São Luís com suas riquezas culturais, culinária e artesanato, além de detalhes do acervo arquitetônico de perfil português. Serão promovidos, também, o ecoturismo, com os Lençóis Maranhenses e o turismo de aventura, além das cachoeiras, lideradas pelo município de Carolina, localizado na Chapada das Mesas, no Sul do Maranhão.
"Vamos estreitar contatos e investir na promoção dos destinos turísticos do Maranhão entre investidores, a exemplo da TAP", explicou o secretário de Estado de Turismo, Jura Filho. A meta, segundo ele, é abrir oportunidade para discutir ações conjuntas que viabilizem a captação de voos para o Nordeste do Brasil, incluindo o Maranhão.
"Tivemos boas experiências com a TAP quando do envio de importantes operadores europeus para a BNTM realizada no Maranhão. Agora vamos pleitear uma extensão dessa parceria", pontuou Jura Filho.

Secretário Luis Fernando Silva prestigia posse no TRE-MA


 
O secretário de Estado chefe da Casa Civil e interino de Infraestrutura, Luis Fernando Silva, representando a governadora Roseana Sarney, prestigiou a solenidade de posse do novo presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão (TRE-MA), desembargador José Bernardo Silva Rodrigues, e também do novo desembargador do TRE-MA, José de Ribamar Fróz Sobrinho, que passou a ser o vice-presidente do Tribunal e o Corregedor Geral Eleitoral. A solenidade ocorreu na tarde desta segunda-feira (25), no auditório do Fórum Eleitoral de São Luís. Também foi empossado o novo Ouvidor Geral do TRE, desembargador José Jorge Figueiredo dos Anjos.  
Luis Fernando Silva ressaltou a importância do momento, que representa o fortalecimento da democracia. “Estamos aqui para prestigiar esta transição. Vim manifestar, em nome da governadora Roseana, o apoio do Governo do Estado às atividades do Tribunal”, assinalou. Também participaram da solenidade, o secretário de Estado de Educação, Pedro Fernandes; deputados federais e estaduais, vereadores, prefeitos, juízes e funcionários do TRE.
O presidente do TRE-MA afirmou que a nova gestão dará continuidade as parcerias com o Governo. “Contamos com todos os órgãos públicos para continuar desempenhando as ações do tribunal. O Governo do Estado, por exemplo, nos possibilitou a participação de mil estagiários do Programa Estágio Viva Primeiro Emprego, para atuarem do recadastramento biométrico”, contou o desembargador José Bernardo Silva Rodrigues.
Já o desembargador Fróz Sobrinho, que assumiu a vaga aberta pela desembargadora Anildes Cruz (que retorna ao Tribunal de Justiça), falou do desafio a ser enfrentado. “Vou dar continuidade ao trabalho com foco nas ações de recadastramento biométrico, decisivo para fortalecer a segurança das eleições”.
 
Parceria com o Governo
O Governo do Estado e o Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão assinaram, em 30 de janeiro, o Termo de Cooperação Técnica, que cedeu osCentros Comunitários (CSUs) da Cohab e do Vinhais para utilização da Justiça Eleitoral no recadastramento dos eleitores maranhenses no sistema biométrico. Os postos de cadastro das impressões digitais vão funcionar no período de 4 de março a 19 de dezembro deste ano.
Na ocasião, também, foi assinado o Termo de Cooperação Técnica entre a Secretaria de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, por meio da Universidade Virtual do Maranhão (Univima) e o Tribunal Regional Eleitoral. O termo criou mil vagas de estágio destinadas aos alunos do Univima, integrantes do Programa de Estágio Viva Primeiro Emprego, para atuarem do recadastramento biométrico.

João Abreu é novo chefe da Casa Civil do Maranhão


João Abreu já foi chefe da Casa Civil no início do mandato de Roseana Sarney em 2009.

Foto: De Jesus/O Estado/Arquivo
SÃO LUÍS - O governo do Estado nomeou, nesta segunda-feira (25), o empresário João Guilherme Abreu como chefe da Casa Civil. Ele ficará no lugar de Luís Fernando Silva, que irá assumir, definitivamente, a Secretaria de Infraestrutura.
João Abreu já foi chefe da Casa Civil no início do mandato de Roseana Sarney em 2009. Além de já ter comandado a Secretaria de Saúde no segundo mandato do mesmo governo.
João Abreu é tido como um empresário bem-sucedido, e já foi presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas, da Associação Comercial e do Sebrae.

domingo, 24 de fevereiro de 2013

Advogado cita prova contra menor e sinalizador comprado em camelô

Ricardo Cabral diz que comparação de foto com vídeo não deixará dúvida de que menor acionou sinalizador, comprado por valor inferior ao mercado

Por Alexandre Lozetti e Alexandre Sinato São Paulo

O advogado da Gaviões da Fiel, Ricardo Cabral, que vai acompanhar o menor H. A. M., de 17 anos, em sua apresentação à Vara da Infância e da Juventude, em Guarulhos, afirmou ao GLOBOESPORTE.COM que tem como provar ter sido o adolescente o responsável por disparar o sinalizador que atingiu e matou o jovem boliviano Kevin Beltrán Espada, de 14 anos, na última quarta-feira, durante o empate entre Corinthians e San José, em Oruro.
De acordo com Cabral, ao comparar uma foto da ficha cadastral de associado do menor com a ampliação da imagem de um vídeo divulgado por uma emissora de televisão boliviana, em que o suposto rapaz que manuseia o artefato é mostrado, ficará provado que trata-se da mesma pessoa.
- A partir do momento em que enviarmos a identidade e a ficha cadastral com foto colorida, não restará nenhuma dúvida. Eu já fiz essa comparação, e não há dúvida - disse Cabral.
Sobre o sinalizador naval que matou Kevin, o advogado disse que ele pode ser facilmente comprado em lojas de embarcações, sem proibições, e citou a região da Rua 25 de Março, principal foco do comércio popular da cidade de São Paulo. Cabral disse que o garoto afirmou ter comprado o objeto de um camelô, o que leva até à possibilidade dele estar com o prazo de validade vencido.
 
Cabral afirmou que nenhum dos sinalizadores pertence a Cleuter Barreto Barros ou Leandro Silva de Oliveira. Eles fazem parte do grupo de 12 torcedores que estão presos na Bolícia, e foram indiciados como autores do crime. Os outros dez são acusados como cúmplices.
- O artefato pertencia ao menor, foi encontrado em uma sacola na arquibancada. Os rapazes que estão lá foram prestar esclarecimento, mas nenhum deles tem nada a ver com isso. O menor disse ter comprado isso de um camelô, por um preço abaixo do valor de mercado. Isso custa entre 120 e 150 reais, mas quando perde validade, chega às mãos dos ambulantes por quinze, vinte reais - afirmou.
O advogado afirmou que não conhecia o adolescente, e não sabe se ele já havia feito alguma viagem internacional com a torcida organizada, mas que H. A. M. frequenta com assiduidade os jogos do Corinthians. Segundo ele, a mãe do garoto só permitiu sua viagem porque se trata de um filho exemplar, que trabalha, estuda, e não tem nenhuma passagem pela polícia.
Cabral foi informado do problema na manhã de quinta-feira, mas não acredita que o fato de a torcida saber da responsabilidade do menor enquanto ele ainda estava na Bolívia, e ter retornado com ele ao Brasil, possa incluir a instituição na acusação, como cúmplice.
- Ele queria se entregar lá, mas nos sentimos responsáveis diretamente pela guarda dele, tememos por sua integridade física. Acho que se nós permitíssemos que ele se entregasse lá, pelo fato de estar com a torcida, isso poderia implicar em alguma sanção.

Motoboys fora da nova lei ainda estão livres de multa na maior parte do país

Maioria adiou fiscalização punitiva, mas já tem prazo para começá-la.
Em SP, onde há 500 mil profissionais da área, não há previsão.

Do G1, em São Paulo

Apesar de as novas regras para motoboys e mototaxistas estarem em vigor desde o último dia 2, ainda não há consenso entre os estados sobre a aplicação de multa para quem estiver fora da lei.  Apenas 4 dos 26 estados já estão multando os que desrespeitam as regras. É o que mostra levantamento feito até a última sexta-feira (22) por jornalistas do G1 pelo Brasil*.
A multa pode ser de até R$ 191,54, que equivale a infração gravíssima. A lei exige que os motoboys e mototaxistas usem certos equipamentos de segurança (antena, proteção para as pernas, colete com faixas refletivas), tenham placa na moto na cor vermelha e passem por um curso de capacitação, que é o ponto mais polêmico. As aulas podem ser gratuitas ou pagas, dependendo da decisão de cada estado.
Na última quarta-feira (20), o Conselho Nacional de Trânsito (Contran) rejeitou a proposta da Associação Nacional dos Detrans (AND) de adiar a obrigatoriedade de multa. A organização apontava o "alto custo dos cursos", "alto custo dos equipamentos exigidos", "número reduzido de instrutores capacidados" e "número reduzido de instituições capacitadas para os cursos", mas o Contran avaliou que não havia amparo legal para alterar a data de entrada em vigor das exigências.
Divergências
De acordo com o levantamento (veja tabela completa abaixo), apenas RS, SC, MG e AP  declararam que as multas estão ocorrendo nessas localidades. Em MG e SC, porém, estão sendo cobrados apenas os equipamentos de segurança; ainda não há punição pela falta do curso. No PR e no PA, o Detran autorizou as multas, mas não soube dizer se elas já estão ocorrendo no estado porque a aplicação depende de cada município.
A maioria dos estados ainda não adotou a multa e realiza apenas a fiscalização educativa, que apenas alerta quem descumpre a lei. A data de início das multas já foi definida em 12 estados. Alguns, como RJ, adotarão a punição de forma gradativa, primeiro cobrando os equipamentos obrigatórios e só mais tarde o curso, como já ocorre em SC e MG.
Em 7 estados ainda não existe prazo para o início das multas. É o caso de São Paulo, onde o sindicato local (SindimotoSP) estima existir 500 mil motoboys e mototaxistas. O governo do estado diz que apresentará um cronograma na semana que vem.

O Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) não tem poder para obrigar os estados a multarem, mas informa que a falta de punção pode gerar ações do Ministério Público.
Veja a situação de cada estado:
Localidade
Está multando?
O que diz o órgão de trânsito
CENTRO-OESTE
Distrito Federal
Há divergência entre os órgãos
O Detran-DF diz que aguarda o posicionamento da Associação Nacional dos Detrans. Mas o Departamento de Estradas e Rodagens do DF diz que já está multando
Goiás
Não
Por ora só há fiscalização educativa. A multa começa em 1º de março, só para itens de segurança. A partir de 1º de junho ela se estenderá ao curso e à utilização da placa vermelha. Ainda não há definição sobre a fiscalização para o transporte de água e gás em motos
Mato Grosso
Não
Detran diz que alguns municípios do interior do estado ainda não têm os cursos. Em Cuiabá, a previsão é que a fiscalização comece em março
Mato Grosso
do Sul

Não
Multas começarão a ser aplicadas a partir de 4 de março. Até lá, a fiscalização será educativa
 
NORDESTE
Alagoas
Não
Não há data para começar a multar
Bahia
Não
Multas começam em 3 de junho. Até lá, a fiscalização será educativa
Ceará
Não
Há fiscalização educativa nos primeiros 90 dias de vigência da lei. Multas começam após este período
Maranhão
Não
Não há prazo para começar a multar; o governo fará ainda um levantamento do número de profissionais da área
Paraíba
Não
Ainda não há data para o início da fiscalização
Pernambuco
Não
Até 2 março, a fiscalização será preventiva. Após a data, as multas começam, mas, em paralelo, haverá blitzes educativas
Piauí
Não
Detran informa que fará apenas uma fiscalização educativa e não tem prazo para adoção de multas
Rio Grande do Norte
Não
Não há prazo para começar a multar
Sergipe
Não
Fiscalização dos itens de segurança começa em 1º de março, enquanto as multas em relação ao curso e placa adequada terão início em 1º de julho
 
NORTE
Acre
Não
Multas começam a ser aplicadas na próxima semana. Até lá, a fiscalização é educativa
Amapá
Sim
Multas já foram autorizadas pelo Detran
Amazonas
Não
Detran-AM diz que a fiscalização sobre o uso de equipamentos está ocorrendo de forma educativa. A multa começa em março. Em relação ao curso, as blitzes ocorrerão posteriormente, mas não há data definida. Depende de regulamentação municipal
Pará
Autoriza a multa,
mas deixa para cada cidade definir quando adotar
Governo do estado diz que vai adotar a determinação do Contran, mas cada município define quando vai aplicá-la. Em Belém, a Autarquia de Mobilidade Urbana (antiga Ctbel) diz que ainda não está multando porque a oferta de cursos ainda é limitada
Rondônia
Não
Não há data para começar a multar
Roraima
Não
Começa a partir desta segunda (25), segundo o Detran-RR
Tocantins
Não
Fiscalização será educativa durante os primeiros 60 dias (até abril)
 
SUDESTE
Espírito Santo
Não
O Detran- ES informa que até 5 de junho não haverá punição para motoboys sem equipamento de segurança e, em 5 de setembro começa a multar profissionais sem curso. “Não temos estrutura para cobrar a lei ainda”, diz o diretor-geral do Detran-ES, Fábio Nílsen
Minas Gerais
Sim, para algumas infrações
A Divisão de Habilitação do Detran-MG informa que equipamentos de segurança já são obrigatórios e passíveis de multa. Mas a obrigatoriedade do curso e da placa vermelha está suspensa até 31 de agosto de 2013
Rio de Janeiro
Não
Nos primeiros 2 meses da lei em vigor, a fiscalização será educativa. A partir de 2 de junho, os motoboys sem equipamentos de segurança serão multados. A partir de 2 de setembro, também serão punidos os que não tiverem o curso
São Paulo
Não
Na próxima semana, o governo diz que será apresentado um cronograma para definir como a lei deve ser aplicada
 
SUL
Paraná
Cabe a cada cidade definir quando adotar a punição
O Detran-PR diz que prazos de fiscalização cabem aos municípios; o órgão apenas credencia os CFCs (Centro de Formação de Condutores) para o curso. Em Curitiba, a Secretaria de Trânsito está multando nos locais de estacionamento; quem não tem o curso é multado por estacionamento irregular. Ainda não há blitz programada
Santa Catarina
Sim, para algumas infrações
Detran-SC diz que a Polícia Militar está multando apenas pela falta dos equipamentos obrigatórios
Rio Grande
do Sul

Sim
Multas já estão sendo aplicadas no estado. Porém, segundo o Detran-RS, alguns municípios, como Novo Hamburgo, estão fazendo “acordos” para dar mais tempo aos motoboys



* A apuração das informações para esta reportagem foi feita por jornalistas de: G1 AC, G1 AL, G1 AM, G1 BA, G1 CE, G1 DF, G1 GO, G1 MS, G1 MT, G1 PA, G1 PB, G1 PE, G1 PR, G1 RJ, G1 RS, G1 RO, G1 SC, G1 SE e do G1 em São Paulo.

sábado, 23 de fevereiro de 2013

Agricultores aproveitam chegada das chuvas para iniciar plantio de arroz e milho



A regularidade das chuvas nos municípios da Baixada Maranhense e do Baixo Parnaíba está trazendo uma nova esperança a agricultores familiares que aguardavam a chuva para iniciar o plantio de arroz e milho. Os agricultores que receberam as sementes distribuídas pelo Governo do Estado, por meio das Secretarias de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Sagrima) e de Desenvolvimento Social e Agricultura Familiar (Sedes), plantaram os insumos logo nos primeiros dias de chuva.
Por meio do Programa Viva Sementes, foram distribuídas a 150.500 agricultores familiares maranhenses, 1.505 toneladas de sementes de arroz e milho. Agricultores das Regiões Tocantina e Sul do Maranhão, por exemplo, não tiveram problemas com chuvas e deram início ao plantio ainda no mês de dezembro, devendo iniciar a colheita nos meses de março e abril.
O secretário da Sagrima, Cláudio Azevedo, afirmou que por conta da falta de chuvas, os produtores que fizeram o plantio anteriormente perderam suas lavouras. "Choveu em algumas regiões e os produtores plantaram logo de imediato. Outros aguardaram um pouco mais e só plantaram quando realmente as chuvas regularizaram", explicou ele.
Na regional de Viana, por exemplo, o gestor do escritório regional da Agência de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural (Agerp), Marlúcio de Jesus Mendonça, explicou que o que determina o início do plantio de arroz na região é o solo encharcado. "Muitos agricultores que se anteciparam no plantio perderam suas plantações, pois foram quase 30 dias sem chuva. Quem guardou a semente fez o plantio logo após o reinício das chuvas", explicou ele.
O presidente da Associação dos Produtores Rurais do Povoado Ricoa - localizado em Viana - Claudionor Oliveira, informou que alguns produtores ainda estão receosos em plantar novamente, após perderam suas lavouras. "Aqui tá chovendo muito e algumas áreas estão alagadas e não tem como meter a enxada pra plantar", contou ele.
Nos municípios da regional de Pinheiro, o gestor da Agerp, José Orlando Martins Ferreira, afirmou que a expectativa é de que se as chuvas continuarem caindo, a safra vai ser boa. "Poucas pessoas plantaram as sementes e a maioria resolveu aguardar as chuvas. Eles já estão concluindo o plantio", contou ele, que recebeu 60 toneladas de sementes de milho e 60 toneladas de arroz para distribuir aos agricultores da região.
No caso da regional do Baixo Parnaíba, que estava enfrentando seca, houve perda de até 80% no plantio de agricultores que vivem nos municípios da área leste do Estado, como é o caso de Santana do Maranhão. Por meio do Programa Viva Sementes foram destinadas 51 toneladas de sementes de arroz e 40 toneladas de milho.
"Graças a uma parceria entre a Agerp e a Embrapa, nós distribuímos sementes extras de milho a agricultores que perderam o plantio", explicou o gestor da Agerp de Chapadinha, Daniel José Coelho Almeida.
Apesar das dificuldades enfrentadas pelos agricultores familiares neste início de safra, o secretário Cláudio Azevedo lembrou que a expectativa para a safra 2012/2013 é de um aumento de 41,67% na produção de arroz, em relação à safra passada, devendo atingir uma colheita de 622.143 toneladas, segundo dados do IBGE.
Mesmo com a estiagem do ano passado, a produção de arroz conseguiu manter o Maranhão como maior produtor nordestino e 3º maior produtor do país, atrás apenas de Santa Catarina e Rio Grande do Sul, o que está previsto se repetir também para a safra deste ano.
O IBGE prevê, ainda, que a produção de milho seja de 855.209 toneladas na safra 2012/2013, representando um aumento de 31,73%, comparado à safra 2011/2012.
Grãos
Considerando as culturas do arroz, milho, feijão e soja, a produção de grãos do Maranhão terá um aumento de cerca de 10% em relação a safra 2011/2012, com uma produção de 3,3 milhões de toneladas de grãos, tendo a soja como responsável por mais de 50% dessa produção, com uma colheita estimada de 1,8 milhões de toneladas.
No caso da soja, a colheita já foi iniciada na Região Sul do Maranhão, responsável por mais de 90% de toda a produção do estado, que tem, ainda, o Baixo Parnaíba como a segunda região que mais produz o grão.

Conferência Maranhense de Educação será lançada nesta segunda



A Conferência Maranhense de Educação (Comae), que tem como foco a articulação entre governo e sociedade em prol de uma educação com qualidade social será lançada, nesta segunda-feira (25), às 9h, no auditório Fernando Falcão (Assembleia Legislativa) pelo secretário de Estado de Educação, Pedro Fernandes Ribeiro. A solenidade contará com a participação de representantes do Ministério da Educação (MEC), do Conselho Nacional de Secretário de Educação (Consed) e de 33 instituições que compõem o Fórum Estadual de Educação (FEE).
A Comae, uma ação do Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Educação (Seduc), tem como meta determinar e acompanhar as políticas públicas com o foco voltado para a oferta de educação de excelência nas redes estadual e municipais de ensino. A conferência terá como tema "O Plano Nacional de Educação na Articulação do Sistema Nacional de Educação - Participação Popular, Cooperação Federativa e Regime de Colaboração".
"Será um momento importante para a educação no estado, sobretudo, na busca da melhoria da gestão e do fortalecimento do regime de colaboração entre os entes União, estado e municípios, visando a melhoria do ensino", ressaltou o secretário de Educação, Pedro Fernandes Ribeiro.
O coordenador do fórum e secretário-adjunto de Gestão Institucional da Seduc, Fernando Silva, explicou que o evento será o momento de oficialização estadual da Comae para discutir o plano estadual e o Plano Articulado de Educação (PAR) para melhorar a gestão e buscar parcerias com os municípios visando a melhoria do ensino", explica.
Depois da abertura solene, o presidente da Comissão de Educação Superior e consultor do MEC, Genuíno Bordignon, ministrará palestra sobre "Gestão Democrática com Participação Popular no Planejamento e na Organização da Educação Nacional".
A partir das 14h, no auditório do Núcleo de Tecnologias para Educação (Uemanet), na Universidade Estadual do Maranhão (Uema), o secretário executivo do MEC e coordenador do Fórum Nacional de Educação (FNE), Francisco das Chagas Fernandes, fará uma palestra sobre "O Plano Nacional de Educação na Articulação do Sistema Nacional de Educação: Cooperação Federativa e Regime de Colaboração".
Em seguida, o secretário-adjunto de Gestão Institucional da Seduc, Fernando Silva, vai proferir palestra sobre "Orientações das Conferências Intermunicipais e Estadual de Educação". As palestras serão transmitidas pelo núcleo via link web (webconf2.rnp.br/uab_netuema).

Parcerias
As ações que visam ofertar educação de excelência aos jovens maranhenses contam com o apoio do presidente do Conselho Nacional de Educação, José Fernandes de Lima, que participará do lançamento do fórum estadual, em agosto, e das conferências regionais. A garantia foi dada esta semana ao secretário-adjunto de Gestão Institucional da Seduc, durante uma audiência na sede do CNE, em Brasília, com a participação do conselheiro da Câmara de Educação Básica, Raimundo Moacir Mendes Feitosa.
De acordo com Fernando Silva, a conferência tem como meta buscar parcerias com os municípios, visando a melhoria do ensino. Durante o lançamento da Comae ele irá anunciar as 26 conferências regionais, que acontecerão a partir de abril, para discutir o sistema articulado de educação no país e o Plano Estadual de Educação, que deverá ser concluído até agosto para a instalação da conferência estadual.
A ação integra o Fórum Estadual de Educação que, em conjunto com a Seduc, mobiliza a sociedade, órgãos públicos, autarquias, entidades e movimentos sociais em âmbito estadual. O foco principal é para participar do lançamento da Conferência Nacional de Educação (Conae), a ser realizado em 2014.
O Fórum Estadual de Educação foi instituído no ano passado e tem como uma de suas responsabilidades deliberar e acompanhar as políticas públicas para a educação nos âmbitos estadual e municipal.

Próximo presidente do TST atende OAB e fará novo cronograma do PJe


Próximo presidente do TST atende OAB e fará novo cronograma do PJe

Brasília – Atendendo pleito do Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil, o ministro Carlos Alberto Reis de Paula, que assume a presidência do Tribunal Superior do Trabalho (TST) no próximo dia 05, informou que irá estabelecer um novo cronograma de instalação do Processo Judicial Eletrônico na Justiça Trabalhista (PJe-JT). O presidente nacional da OAB, Marcus Vinicius Furtado, levou a preocupação com o fato de o PJe estar sendo instalado de modo açodado pelos tribunais, com graves prejuízos aos advogados e jurisdicionados.

Flávio Dino discursa apenas para poucos "gatos pingados"...

  

A imagem vale mais que 1.000 palavras

Na manhã de hoje (23) houve um encontro regional do PDT, evento realizado na Câmara de Vereadores e que reuniu “lideranças” composta em sua maioria por ex-candidatos (diga - se de passagem, não eleitos nas eleições municipais de 2012) de alguns municípios do Sul do Maranhão e alguns filiados no partido. Na ocasião, aproveitaram para fazer um encontro dos partidos de oposição ao Governo do Estado em prol de Flávio Dino.
Após o inicio do evento, não tinha nem sequer 50% dos lugares ocupados
O encontro regional que estava marcado para iniciar pontualmente às 8h30 deste sábado, por pouco não foi um dos maiores vexames políticos da história politica recente do Estado. Acontece que no horário previsto não havia nem 20% dos poucos lugares oferecido pelo plenário da Câmara Municipal de Imperatriz, ocupado pelas “lideranças”. O evento foi adiado por mais de uma hora, iniciando por volta das 10h40 e quando começou, somente 50% dos lugares estavam ocupados.
Os discursos proferidos pelos deputados estaduais, federais, ex-prefeitos da oposição e membros do diretório estadual do PDT, como Julião Amim e do ex-vice prefeito de Imperatriz, Jean Carlo, poderiam ser simplificado em apenas um, haja vista que todas as falas foram praticamente idênticas e com aqueles velhos e “surrados” jargões que o povo já está cansado de “oligarquia Sarney”.
Segundo informações privilegiadas obtidas junto a um pedetista, no PDT a base está dividida e prestes a rachar, pois um grupo defende a candidatura de Flávio Dino (PCdoB), enquanto outros defendem a candidatura própria. E briga está só começando para saber onde o partido vai aportar nas Eleições 2014.
Outra briga interna na oposição é a concorrência pela disputa à eleição do Senado ano que vem. Vários membros da oposição querem ser candidatos a senador, alguns já estão lançando sua pré-candidatura, como Roberto Rocha (PSB), por exemplo. Os outros concorrentes são: Domingos Dutra (PT), Zé Reinaldo (PSB), além de Deoclides Macedo (PDT), que disse deixar seu nome a disposição para a disputa majoritária de governador e senador ou na proporcional, saindo candidato a deputado federal, conforme afirmou em seu discurso no encontro da oposição que aconteceu em Imperatriz.
Do Blog do Jhivago Sales
Comentário meu. Com esta turma, será dificil para o presidente da Embratur decolar no Maranhão. O moço não tem pose ou jeito para a política e olha quem estava ao seu lado. Os dois meninos bondosos do governo Jackson Lago, Weverton Rocha que agora se diz de Imperatriz e nunca pregou uma barra de sabão em favor da cidade e Julião Amim, seu ex-sogro. Os dois enrolados com a Justiça por desvio de recursos publicos.

Luis Fernando diz que “mudança” de Flávio Dino é só de discurso

luis_fernandoO secretário-chefe da Casa Civil e de Infraestrutura, Luis Fernando Silva, resolveu entrar de vez no embate político-eleitoral com o presidente da Embratur, Flávio Dino (PCdoB).
Um dia depois da entrevista do comunista à Rádio Capital, na qual propôs um “novo modelo” para o Governo do Maranhão, o principal auxiliar da  governadora Roseana Sarney (PMDB) e pré-candidato do Palácio dos Leões à sucessão, mandou uma espécie de recado aos adversários.
“Essa turma que hoje diz aí que vai mudar o Maranhão, já passou por Ribamar e mudou a cidade, mas para pior. Ribamar não era bom, tinha um hospital, velho, coitado, e quebraram o hospital. Tinha uma prefeitura caindo os pedaços eles arrebentaram de vez. Deixaram R$ 17 milhões de dívidas pra eu pagar quando eu assumi. Mas paguei tudinho e passei a prefeitura com R$ 19 milhões em caixa, 318 obras inauguradas e mais 90 em andamento. Foi assim que eu entreguei a prefeitura e recebi quebrada”, destacou.
Segundo ele, a mudança proposta pela oposição não passa de discurso. “Essa turma diz que vai mudar o Maranhão , mas no discurso, meu amigo, eu mudo até o céu, no discurso eu mudo qualquer coisa. Aí vão pra rádio e jornal falar, mas a verdadeira mudança é essa aqui; não tinha água, agora tem, não tinha asfalto agora tem, não tinha escola agora tem. Tem políticos que falam, que são eles, e tem políticos que fazem, que é o nosso grupo. Eu quero convocar vocês pra essa grande mudança que o Maranhão precisa. Mas mudar pra melhor”, completou.
Do Blog do Gilberto Leda

Trabalho e eficiência.



As vilas Luizão, Divinéia e Santa Rosa, pertencentes a grande ilha de São Luis, não possuem mais problemas ocasionados com a falta de água potável, graças aos sistemas de abastecimento entregues pelo Governo do Estado através das Secretarias de Infraestrutura e de Desenvolvimento Social. As inaugurações ocorreram neste Sábado(23) com a participação dos Secretários Chefe da Casa Civil e Interino da Infraestrutura, Luis Fernando Silva, de Desenvolvimento Social e Agricultura Familiar, Fernando Fialho, do Meio Ambiente Vitor Mendes, do deputado estadual Roberto Costa, vereador do município de São José de Ribamar, Marquinhos, autor das reivindicações e parceiro na construção dos quatro postos, além dos moradores das regiões beneficiadas. Os sistemas de abastecimento foram construídos na rua Primavera e na avenida João Alberto (Vila Luizão), na rua Uruguai (Divinéia), e o último na Vila Santa Rosa beneficiando 3.200 moradores. Durante as inaugurações, o Secretário Chefe da Casa Civil e Interino de Infraestrutura, Luis Fernando Silva, assinou Ordens de Serviço para inicio das construções de rotatória em frente a UPA do Araçagi, de um restaurante popular e uma escola de ensino médio na região. “A governadora Roseana tem um cuidado especial com a melhoria da qualidade de vida das pessoas e designou a mim para organizar e viabilizar essas obras que garantem qualidade de vida aos moradores da região” enfatizou Luis Fernando. 

Semana Pedagógica é realizada com êxito pela prefeitura de Buritirana

O evento teve como objetivo qualificar os profissionais da área da educação. Com o tema “Gestão e Disciplina: Uma educação em busca da excelência”, a Prefeitura Municipal de Buritirana por meio da Secretaria Municipal de Educação, realizou durante essa semana uma jornada pedagógica. O evento foi encerrado na manhã dessa sexta-feira (22), na quadra poliesportiva Davi Cantanheide, centro da cidade e contou com a presença de centenas de profissionais da área da educação. O prefeito Vagtonio Brandão, presente no evento, fez um balanço dos 60 dias de governo. “Estamos com apenas dois meses do nosso mandato e já nos primeiros meses começamos com melhorias na área da educação. Vamos fazer novos investimentos que abrange reforma e ampliação das escolas municipais”, assinalou o gestor municipal. Ele também falou sobre os esforços para atualizar os pagamentos em atrasos deixados pelo gestor anterior. “Graças ao apoio e a compreensão de todos, estamos conseguindo colocar a casa em ordem. Durante meu governo os salários dos servidores serão pagos rigorosamente em dias. Além de investimentos na qualificação profissional como esse que se encerra hoje, estaremos investindo também em reformas, ampliações e construções de novas escolas”, ressaltou. Vagtonio frisou ainda o entendimento com o Sindicato dos Trabalhadores Públicos e agradeceu o apoio que vem recebendo de toda a categoria. Para o presidente Sindicato dos Trabalhadores em Estabelecimento de Ensino Público de Buritirana (STEESPUB), Edmar Morais, esse é um momento único para a história da educação do município. “Essa é a primeira vez em que o Sindicato dos Professores está tendo uma relação afinada com a prefeitura, isso certamente trará muito mais resultados em prol da nossa educação”, destacou. A secretária de Educação, Valdineia dos Santos avaliou como positiva a realização da semana pedagógica. “Chegamos ao final da jornada, felizes, pois o resultado foi muito proveitoso para os profissionais da educação que engloba não só os professores, mas zeladores, vigias e diretores”, finalizou. Em nome dos vereadores presentes o presidente da câmara Solimar Sousa, parabenizou o governo municipal pela iniciativa que classificou como de grande importância. “Parabéns ao prefeito Vagtonio Brandão pela iniciativa, acredito que foi de grande valia para todos”, disse o presidente. (Ascom / PMB) — com Marlene Araujo e Karoline Santos.

Notas Veja

[A história na pele] ------------------------------- Os seres humanos são os únicos primatas - e dos poucos mamíferos - a terem a terem vários tons de pele e o corpo liso, sem a grande quantidade de pelos comum em seus parentes evolutivos. "A enorme variedade de tons de pele em uma mesma espécie é incrível. Entender como isso se desenvolveu desde nossos antepassados pode trazer muitas respostas para a nossa saúde hoje em dia", diz Nina Jablonski, antropóloga da Universidade Estadual Da Pensilvânia, autora do livro Living Color: The Biological and Social Meaning of Skin Color (Cores Vivas: Os Significados Biológicos e Sociais da Cor de Pele, inédito em português). VEJA.com conversou com Nina, em Boston, EUA, durante o Encontro Anual da Associação Americana para o Avanço da Ciência. A entrevista completa está em www.veja.com [PlayStation 4: poderoso e sociável] ------------------------------- A Sony anunciou seu novo console: o PlayStation 4. Dessa vez a empresa japonesa tenta adicionar um caráter social a seu videogame, adotando recursos como compartilhamento de conteúdos e até de partidas via streaming. Reportagem no site de VEJA destrincha as características do novo modelo, que será lançado simultaneamente no Brasil e nos Estados Unidos em dezembro. http://veja.abril.com.br [Leitura digital] ------------------------------- A chegada da Amazon ao Brasil tem sido bem mais discreta do que muitos imaginavam - sobretudo no que se refere ao lançamento de seu leitor digital, o Kindle. Reportagem no site de VEJA mostra que a dificuldade da companhia americana em emplacar seu e-reader no país deve-se a inúmeros fatores - a maioria deles independe da própria Amazon. http://veja.abril.com.br/ [Emprego no Facebook] ------------------------------- Carolina Verdelho recruta profissionais para o Facebook na América Latinal. Em entrevista ao site de VEJA ela diz: "Queremos pessoas que não tenham medo de errar". http://veja.abril.com.br

Trocar e-mails particulares no trabalho dá justa causa

Envio de e-mails durante o expediente para tratar de assuntos particulares é motivo para dispensa por justa causa por mau procedimento e desídia. Com esse entendimento, a Justiça do Trabalho de São Paulo considerou correta a demissão de um empregado que buscava na Justiça a anulação da dispensa e reintegração aos serviços. A sentença, do dia 22 de janeiro, foi proferida pela juíza Simone Aparecida Nunes, da 45ª Vara do Trabalho de São Paulo. Além da anulação da dispensa, o empregado alegou ter direito ao pagamento de horas extras, verbas recisórias e indenização por danos morais. Cabe recurso. A defesa da empresa Makro Kolor Gráfica Editora, feita pelo advogado Carlos Augusto Marcondes de Oliveira Monteiro, do escritório Monteiro, Dotto e Monteiro advogados, alegou que não houve dano moral e o empregado foi dispensado por justa causa pois foram verificados vários trabalhos do autor com graves falhas, inclusive o uso do horário do expediente para tratar de assuntos particulares. A juíza Simone Aparecida acolheu a tese da empresa e afirmou, na sentença, que ficou comprovado nos autos que o autor cometeu atos que justificam sua dispensa por justa causa por motivo de mau procedimento, desídia e ato de insubordinação. Segundo a juíza, foi provado que o empregado faltava com frequência ao trabalho e que vendia produtos eletrônicos na empresa durante o horário de trabalho, além de utilizar o horário do expediente para tratar de assuntos particulares. "O próprio autor, em depoimento pessoal, reconheceu os e-mails apresentados afirmando que foram trocados durante o horário de expediente. Os referidos e-mails não tratam de assuntos referentes ao trabalho do autor na empresa, mas são e-mails sobre assuntos particulares. Provado, assim, que o autor, durante o expediente, tratava de assuntos particulares e vendas de produtos não relacionados ao seu trabalho na empresa. Só isso já é motivo para a dispensa por justa causa por mau procedimento e desídia", afirmou. A juíza rejeitou o pedido de horas extras "pois não há causa de pedir, sendo que o autor nem sequer menciona a jornada em que trabalhou". O pedido de indenização por dano moral também foi negado pois, segundo a juíza, "não ficou provado qualquer ato de ofensa à honra do autor nos autos". Para o advogado Carlos Augusto Monteiro, a decisão mostra que os empregados devem ser conscientes de suas responsabilidades. "O empregado tem que se conscientizar de que, no ambiente de trabalho, deve dedicar-se exclusivamente aos préstimos de seu empregador e evitar a utilização da internet para fins pessoais no horário do expediente", diz.

Mais de um milhão e meio de eleitores faltosos podem ter o título cancelado em todo o Brasil

1.512.884 eleitores brasileiros que não votaram e não justificaram a ausência nas três últimas eleições podem ter o seu título cancelado. Para regularizar a situação, esses eleitores devem comparecer ao cartório eleitoral no período de 25 de fevereiro a 25 de abril portando documento oficial com foto, título eleitoral e comprovantes de votação, de justificativa eleitoral e de recolhimento ou dispensa de recolhimento de multa. No Maranhão, o serviço é oferecido nas unidades do Shopping do Cidadão e nos cartórios eleitorais de todo o estado. Nas eleições 2012, pouco mais de 63 mil eleitores maranhenses não compareceram ao pleito. Desde o dia 20 de fevereiro, a relação das inscrições passíveis de cancelamento está disponível para consulta pelos interessados nos cartórios eleitorais. O eleitor também pode verificar se o seu documento está sujeito a cancelamento no site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), na opção "Serviços ao eleitor". A Justiça Eleitoral ressalta que não será expedido qualquer tipo de notificação ao eleitor, seja de forma impressa (correspondência) ou eletrônica (e-mail), sobre a situação do título. O não comparecimento ao cartório eleitoral para comprovação do exercício do voto, da justificativa de ausência ou do pagamento das multas correspondentes implicará o cancelamento automático do título de eleitor, que será efetivado de 10 a 12 de maio de 2013. Veja aqui o número de eleitores faltosos por Estado.

Seduc divulga resultado do seletivo para professor indígena e do campo

A Secretaria de Estado da Educação (Seduc) divulgou nesta sexta-feira (22), o resultado do processo seletivo simplificado para contratação temporária de professores que irão trabalhar nas escolas indígenas e na área de Ciências Agrárias - Projovem Campo/Saberes da Terra. As listas nominais estão disponíveis no endereço eletrônico da Seduc: www.educacao.ma.gov.br/seletivo2013 Os candidatos têm o prazo de dois dias – segunda (25) e terça-feira (26), para interposição de recursos, conforme está previsto nos editais do seletivo. Ao todo, 1.641 professores se inscreveram para as 954 vagas da educação indígena. Para a educação do campo, foram 249 inscritos para as 44 vagas nas áreas de Ciências Agrárias - Projovem Campo/Saberes da Terra. Com a contratação de professores, o Estado garante a oferta do ensino para 15.842 mil alunos índios e 3.263 do Projovem Campo/Saberes da Terra. Os candidatos selecionados irão atuar como professores contratados em escolas indígenas e do campo da rede estadual de ensino, atendendo a necessidade da Seduc de preencher o quadro de pessoal docente. As vagas serão ocupadas nas escolas indígenas localizadas nas Unidades Regionais de Educação (UREs) de Açailândia, Barra do Corda, Imperatriz, Santa Inês e Zé Doca. Os selecionados para a educação do campo irão preencher as vagas existentes nas UREs de Bacabal, Balsas, Chapadinha, Caxias, Codó, Itapecuru-Mirim, Imperatriz, Presidente Dutra, Pedreiras, Pinheiro, Santa Inês, Viana e Zé Doca.