segunda-feira, 19 de agosto de 2013

Médico de Governador Edson Lobão tira dinheiro do próprio bolso para abastecer veículo da prefeitura

Descaso na área da saúde e prática de nepotismo é comum na administração do prefeito Evando Viana (PRB)
Vereador Bergson denuncia a precariedade na saúde

*Ilfran de Araújo

Integrantes do Programa Saúde da Família (PSF), do município de Governador Edson Lobão, tem seu trabalho prejudicado pela constante falta de combustível no veículo que os conduz aos longínquos povoados. É rotina eles fazerem a chamada “vaquinha” para abastecer o carro que usam para trabalhar. Essa prática é deplorável. Isso passou a acontecer depois que a equipe se dirigiu até a Secretária de Saúde do Município e ela simplesmente falou: “Não posso fazer nada, vocês foram contratados para isso, então precisam dar um jeito de chegar até os povoados”. O salário dos funcionários do PSF também está atrasado há dois mesesEssas informações foram prestadas pelo vereador Bérgson (PRB) do município. O vereador informou ainda que quando a equipe foi contratada eles receberam a confirmação da Secretaria de Saúde local que teriam um veículo a disposição para locomoção da mesma. Em decorrência dessa situação os médicos que atendem a essas comunidades carentes simplesmente estão deixando de viajar e fazer seu trabalho, pois seus veículos não são apropriados para se dirigirem a região desassistida, devido às péssimas condições das estradas Segundo o vereador, na última vez que abasteceram o carro quem pagou o posto de combustível foram o enfermeiro e o médico. Detalhe: dinheiro do próprio bolso. Com certeza isso é fruto da administração pífia do prefeito Evando Viana (PRB). Além dos “crimes” de nepotismo que ele vem praticando tem esse descaso na área da saúde, que não é de hoje, pois vários vereadores o tem denunciado pelo constante desrespeito a vida humana, simplesmente por deixar de prestar um serviço básico de qualidade aos seus munícipes. “Mas o povo não é besta e sabe separar o joio do trigo, na hora certa as coisas vão acontecer de forma que agrade a todos e não vai ser ele que vai nos dar essa satisfação”, informou José da Silva Nunes, 44, morador.
* Reporter

Nenhum comentário:

Postar um comentário