domingo, 27 de outubro de 2013

Enquanto torcedores do Sampaio comemoram empate com o Macaé, Flávio Dino vibra com time do Rio

Flávio Dino: paixão por futebol do Rio de Janeiro
A paixão futebolística não tem explicação, tanto que pessoas de um país torcem por equipes estrangeiras sempre que estas se confrontam com time de torcida adversária, só por birra. Há também aqueles que ignoram o futebol de sua terra para acompanhar clubes de outros estados e até mesmo de outras nacionalidades. Foi o exemplo do presidente da Embratur, Flávio Dino (PCdoB), que neste sábado, enquanto o Sampaio Corrêa, do Maranhão, como ele, garantia sua ascensão à Série B do Campeonato Brasileiro, postou no twitter suas congratulações à equipe do Botafogo, do Rio de Janeiro, por ter vencido o Atlético de Minas Gerais, garantindo assim sua permanência no G 4 da Série A do Campeonato Brasileiro. "Prova de que estamos vivos", disse ele na rede social, sem fazer uma menção sequer ao Sampaio, que travava uma verdadeira guerra no interior fluminense para também se manter vivo. Naquele mesmo instante, milhares de maranhenses estavam de rádio no ouvido e olhos na TV (Rede Brasil), torcendo pelo Sampaio Corrêa, muitos deles manifestando sua crença no twitter de que o Sampaio iria para um grupo mais elitizado do Campeonato Brasileiro, a partir de 2014. Nada contra as preferências futebolísticas do pré-candidato a governador, mas foi inoportuna sua manifestação. Até mesmo motenses e maqueanos roxos concordam com este ponto de vista.

Nenhum comentário:

Postar um comentário