segunda-feira, 16 de junho de 2014

Contas do ex-prefeito Plácido são reprovadas e incluindo a da Secretaria de Ação Social, à epoca dirigida pela sua esposa Telma.



Edison Lobão - Por 6 votos contra e 5 favoráveis a Câmara Municipal de Governador Edison Lobão rejeitou a prestação de contas anual do governo representado pelo então prefeito Washington Luis Silva Plácido, referente ao exercício financeiro de 2007. A votação, em caráter secreto, acorreu durante a sessão ordinária da ultima sexta-feira, 13, que teve como pauta única o parecer prévio do Tribunal de Contas do Estado-TCE, cuja decisão – a desaprovação - foi mantida pelos vereadores.
       Todos os onze vereadores assinaram o livro de presença e a sessão transcorreu de forma absolutamente solene. O Presidente da Casa, vereador Ozório Garcia Júnior, o Júnior do Depósito, abriu os trabalhos com os procedimentos de praxe e determinou a votação. Os vereadores procederam a votação sem nenhuma argumentação.
 Em seguida, o presidente Júnior do Depósito fez a conferência dos votos e anunciou o resultado, que foi recebido de forma indiferente por todos os presentes.
Na plateia, além de populares e assessores jurídicos da Câmara, estava a ex-primeira dama e viúva de Washington Plácido, Telma Plácido. O parecer prévio do TCE somado a desaprovação da Câmara poderá influenciar numa possível futura candidatura de Telma, que é apontada hoje, como forte concorrente às eleições municipais de 2016. Vale destacar que algumas irregularidades apontadas pelo TCE foram registradas na pasta da Assistência Social, que tinha Telma como titular. (ASCOM/Câmara) 

Nenhum comentário:

Postar um comentário