sábado, 18 de outubro de 2014

Apenas uma dona de casa foi eleita este ano no Brasil

De um total de 430 candidatas donas de casa que concorreram a cargos nestas eleições, apenas uma foi eleita, ao cargo de deputada federal, segundo o Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Dulce Miranda (PMDB) foi eleita no Tocantins com um patrimônio declarado de R$ 2,26 milhões. Ela ficou em primeiro lugar no estado, com 75.934 votos.
Desde 2010, é obrigatório aos partidos respeitar a cota de 30% de candidatas mulheres nas coligações. Naquela eleição, 337 donas de casa concorreram, contra 65 em 2006.
Na última eleição, de 2012 para vereador, houve um aumento de 131% no número de donas de casa disputando um cargo eletivo em relação a 2008.
As principais ocupações citadas pelas candidatas nas eleições deste ano foram professora e dona de casa. De acordo com o TSE, das cerca de 7,8 mil mulheres que concorreram a cargos públicos nas eleições deste ano, lideram a lista professoras, donas de casa, empresárias, estudantes, bolsistas e estagiárias, advogadas e servidoras públicas estaduais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário