quinta-feira, 22 de janeiro de 2015

Projeto “Varejo Competitivo” é apresentado na CDL Imperatriz


Ação deve acontecer por meio de parceria entre Câmara de Dirigentes Lojistas, Associação dos Lojistas do Calçadão e Sebrae
A realização do Projeto “Varejo Competitivo em Imperatriz”, desenvolvido pelo Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do Maranhão (Sebrae-MA), foi discutida na manhã de terça-feira (21/01),na sede da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), no Palácio do Comércio e Indústria.
O projeto tem por objetivo promover o fortalecimento da gestão das microempresas e empresas de pequeno porte da cidade, por meio da melhoria nos controles gerenciais, marketing e na capacitação gerencial,contribuindo, desta forma, para o desenvolvimento e a sustentabilidade dos negócios.
Participaram da reunião, Francisco da Silva Almeida (presidente da CDL), Manoel Marcone Marques (presidente da Associação dos Lojistas do calçadão), Aécia de Paulo (gerente da CDL), e os gestores do Sebrae, Alysson Santos Oliveira e Aline Maracaípe, além do gerente da Unidade Regional da instituição em Imperatriz, Danilo Lisboa Borges.
No final da reunião, o presidente da CDL, Francisco da Silva Almeida, destacou como importantes os objetivos do projeto, tendo em vista que a missão é tratar de assuntos relativos a planejamento, gestão, avanços tecnológicos e capacitação dentro do empreendedorismo, metas que ajudarão no processo de crescimento do setor, através da sustentabilidade, hoje um dos principais gargalos no que diz respeito ao fortalecimento dos negócios.
De acordo com o presidente da Associação dos Lojistas do Calçadão, Marcone Marques, o encontro foi proveitoso, já que o projeto do Sebrae busca levar aos empresários conhecimentos pelos quais há anos eles esperavam, mas que só agora, por meio do trabalho conjunto da CDL, da ALC e do Sebrae-MA, vai ser possível acontecer. “E virar uma grande realidade”, conclui.
O gerente da Unidade Regional de Imperatriz do Sebrae-MA, Danilo Lisboa Borges, saiu confiante, acreditando que a parceria vai surtir os efeitos esperados.

Nenhum comentário:

Postar um comentário