quinta-feira, 26 de março de 2015

Iniciativa sustentável reaproveita água e economiza mais de 30% no consumo


Com o investimento em sistema de tratamento próprio, a Motoca evita o desperdício de mais de 12 mil litros de água por dia
O último fim de semana foi marcado por campanhas sustentáveis em comemoração ao Dia Mundial da Água, afinal, a atual crise hídrica do país chama atenção de toda a população para a importância da preservação.
Em Imperatriz, ideias e práticas que ajudem na redução do consumo desse bem natural têm sido cada vez mais procuradas. Um grande destaque é o sistema de reaproveitamento de água da Motoca, que economiza mais de 30% no consumo hídrico mensal por meio do desenvolvimento de um próprio sistema de tratamento.
“A Motoca é reconhecida como uma das principais empresas que colocam em prática hábitos sustentáveis. O tratamento de água foi um dos investimentos realizados pela concessionária para contribuir diretamente com impactos positivos no nosso ambiente e gera resultados diariamente”, conta o auxiliar de manutenção, Ricardo Pereira, responsável por todo o processo de tratamento de água da Motoca.
Inaugurada em abril de 2014, a Estação de Tratamento de Água (ETA) entrou em operação em agosto do mesmo ano. Em sete meses operando, a empresa já economizou cerca de 2 milhões de litros de água, o equivalente ao consumo de mais de 9 mil residências.
Toda a água utilizada nos boxes de lavagem e da oficina na concessionária é tratada e reaproveitada. “O processo inicia ainda nos boxes de lavagem das motos. Por um sistema de escoamento, essa água desce para uma caixa separadora, que separa a água do óleo e areia. A partir daí, vai para o tanque de água de bruta, depois segue para a ETA, onde a água é tratada, e retorna novamente para os boxes de lavagem para ser reaproveitada”, explica Ricardo.
Com esta iniciativa, mais de 12 mil litros de água são poupados do desperdício diariamente.
Sustentabilidade – Entre outros hábitos, a Motoca implementa na rotina do colaborador, e nos princípios ambientais da empresa, a prática da coleta seletiva e a destinação correta de todo o óleo de veículos que iria para descarte.
“O que iria para o lixo vai para o projeto Ecocemar, que faz a reciclagem do material e ainda nos permite doar bônus na conta de energia para instituições filantrópicas. Já o óleo, vai para uma empresa especializada em refinaria, que aproveita o material para fazer sabão ou para reutilizá-lo”, explica o auxiliar de manutenção, Ricardo Pereira.
Atualmente, a concessionária faz o teste de produtos de limpeza biodegradáveis para a higiene das motos, que possibilita a qualidade na saúde do colaborador e na preservação do meio ambiente.
Assessoria de Imprensa

Nenhum comentário:

Postar um comentário