quarta-feira, 2 de março de 2016

Exposição mostra olhar detalhado de viagens pela Europa A mostra de fotografias conta com uma coletânea de 40 imagens do fotógrafo maranhense Gumercindo Milhomem Parar e olhar os detalhes que sempre estiveram em certo lugar; notar aquilo que sempre esteve bem ali, mas só foi avistado por poucas pessoas; perceber o que se esconde dos olhos de quem passa apressado. Esse é o objetivo da exposição fotográfica "Coisas que nos escapam", que estará em exibição a partir de 2 à 23 de março em Imperatriz. Fruto de um olhar rebuscado e paciente do fotógrafo maranhense, Gumercindo Milhomem, a mostra conta com uma coletânea de 40 fotografias feitas durante viagens por vários lugares da Europa. "Detalhes de lugares que se ocultam a quem passa rápido, que você só percebe se parar um pouco para olhar, coisas que sempre estiveram lá, mas nunca foram tão bem percebidas", explica o fotógrafo. Na exposição, que será aberta ao público imperatrizense e tem como curador Axel Britto, o artista resolveu registrar a partir das suas lentes, aquilo que, em lugares em que as vezes passam pessoas todos os dias, pouco se para pra ver mais atentamente. "Coisas que nos escapam" é a primeira exposição individual do fotógrafo, que já registra profissionalmente há 15 anos. O artista já participou de outras mostras, mas sempre coletivas. A exibição da coletânea em Imperatriz inicia o trabalho de divulgação pessoal de suas fotos, que também devem ser exibidas na capital São Luís e no Rio de Janeiro. O evento tem patrocínio de Gaia Boutique e o apoio cultural da Canal Grupo, Tietriza, Grupo Mirante e Restaurante Forneria Gourmet, local onde acontece a mostra das fotos, no horário de funcionamento do empreendimento, das 19h às 23h. As fotos também estarão disponíveis para serem adquiridas por compradores. Serviço Evento: Exposição Fotográfica "Coisas que nos escapam" Data: 2 à 23 de março Horário: Das 19h as 23h Local: Restaurante Forneria Gourmet Assessoria de ImprensaExposição mostra olhar detalhado de viagens pela Europa A mostra de fotografias conta com uma coletânea de 40 imagens do fotógrafo maranhense Gumercindo Milhomem Parar e olhar os detalhes que sempre estiveram em certo lugar; notar aquilo que sempre esteve bem ali, mas só foi avistado por poucas pessoas; perceber o que se esconde dos olhos de quem passa apressado. Esse é o objetivo da exposição fotográfica "Coisas que nos escapam", que estará em exibição a partir de 2 à 23 de março em Imperatriz. Fruto de um olhar rebuscado e paciente do fotógrafo maranhense, Gumercindo Milhomem, a mostra conta com uma coletânea de 40 fotografias feitas durante viagens por vários lugares da Europa. "Detalhes de lugares que se ocultam a quem passa rápido, que você só percebe se parar um pouco para olhar, coisas que sempre estiveram lá, mas nunca foram tão bem percebidas", explica o fotógrafo. Na exposição, que será aberta ao público imperatrizense e tem como curador Axel Britto, o artista resolveu registrar a partir das suas lentes, aquilo que, em lugares em que as vezes passam pessoas todos os dias, pouco se para pra ver mais atentamente. "Coisas que nos escapam" é a primeira exposição individual do fotógrafo, que já registra profissionalmente há 15 anos. O artista já participou de outras mostras, mas sempre coletivas. A exibição da coletânea em Imperatriz inicia o trabalho de divulgação pessoal de suas fotos, que também devem ser exibidas na capital São Luís e no Rio de Janeiro. O evento tem patrocínio de Gaia Boutique e o apoio cultural da Canal Grupo, Tietriza, Grupo Mirante e Restaurante Forneria Gourmet, local onde acontece a mostra das fotos, no horário de funcionamento do empreendimento, das 19h às 23h. As fotos também estarão disponíveis para serem adquiridas por compradores. Serviço Evento: Exposição Fotográfica "Coisas que nos escapam" Data: 2 à 23 de março Horário: Das 19h as 23h Local: Restaurante Forneria Gourmet Assessoria de Imprensa


A mostra de fotografias conta com uma coletânea de 40 imagens do fotógrafo maranhense Gumercindo Milhomem

Parar e olhar os detalhes que sempre estiveram em certo lugar; notar aquilo que sempre esteve bem ali, mas só foi avistado por poucas pessoas; perceber o que se esconde dos olhos de quem passa apressado. Esse é o objetivo da exposição fotográfica "Coisas que nos escapam", que estará em exibição a partir de 2 à 23 de março em Imperatriz.

Fruto de um olhar rebuscado e paciente do fotógrafo maranhense, Gumercindo Milhomem, a mostra conta com uma coletânea de 40 fotografias feitas durante viagens por vários lugares da Europa. "Detalhes de lugares que se ocultam a quem passa rápido, que você só percebe se parar um pouco para olhar, coisas que sempre estiveram lá, mas nunca foram tão bem percebidas", explica o fotógrafo.

Na exposição, que será aberta ao público imperatrizense e tem como curador Axel Britto, o artista resolveu registrar a partir das suas lentes, aquilo que, em lugares em que as vezes passam pessoas todos os dias, pouco se para pra ver mais atentamente.

"Coisas que nos escapam" é a primeira exposição individual do fotógrafo, que já registra profissionalmente há 15 anos. O artista já participou de outras mostras, mas sempre coletivas. A exibição da coletânea em Imperatriz inicia o trabalho de divulgação pessoal de suas fotos, que também devem ser exibidas na capital São Luís e no Rio de Janeiro.

O evento tem patrocínio de Gaia Boutique e o apoio cultural da Canal Grupo, Tietriza, Grupo Mirante e Restaurante Forneria Gourmet, local onde acontece a mostra das fotos, no horário de funcionamento do empreendimento, das 19h às 23h. As fotos também estarão disponíveis para serem adquiridas por compradores.

Serviço
Evento: Exposição Fotográfica "Coisas que nos escapam"Data: 2 à 23 de março
Horário: Das 19h as 23h
Local: Restaurante Forneria Gourmet


Assessoria de Imprensa

Nenhum comentário:

Postar um comentário