Conheça a Câmara Municipal de Imperatriz

sexta-feira, 20 de janeiro de 2017

Hildo Rocha destaca alternativas viáveis para o aproveitamento da água do mar em residências


Inspirado no que viu durante visita de intercâmbio entre a Câmara Federal e o governo da China, o deputado federal Hildo Rocha (PMDB) defende a utilização de água do mar nas residências como forma de economizar água potável. De acordo com o parlamentar, a cidade de Hong Kong, na China, cuja população já ultrapassa sete milhões de habitantes, é um exemplo de como se deve utilizar a água do mar nas residências. “O processo de filtragem é rápido, economicamente viável e benéfico para o meio ambiente. Basta apenas eliminar apenas as bactérias, não há necessidade de se retirar o sal, pois a água é aproveitada apenas para uso nas descargas de aparelhos sanitários economizando-se quase 30% de água potável”, destacou Rocha.

Visita
Rocha integrou a comitiva brasileira que participou de missão oficial na China com o objetivo de conhecer tecnologias de aproveitamento de água do mar, para fins de uso doméstico; reuso de água; produção de energia solar e energia eólica e tecnologias de construção pré-fabricada.

Os representantes do parlamento brasileiro participaram visitas técnicas a corporações especializadas em infraestrutura de saneamento básico; sistemas de tratamento de água e esgoto; instalações que usam água do mar no sistema de saneamento da cidade; sistema de dessalinização de água e visita a instalações de tratamento de água para reuso, nas cidades de: Hong Kong; Macau; Pequim; Shanghai. 

Comitiva
A comitiva foi composta pelos deputados: Hildo Rocha (membro da Comissão de Desenvolvimento Urbano); Damião Feliciano (membro da Comissão de Transporte); Evandro Roman (membro da Comissão de Transporte); Herculano Passos (Presidente da Comissão de Turismo); Jaime Martins; (Presidente da Comissão de Desenvolvimento Urbano); José Rocha (membro da Comissão de Turismo); Lelo Coimbra (membro da Comissão de Turismo) e Weliton Prado (membro da Comissão de Desenvolvimento Urbano).

Nenhum comentário:

Postar um comentário