quinta-feira, 16 de fevereiro de 2017

Deputado Léo Cunha confirma implantação do Ceasa em Imperatriz




O deputado estadual Léo Cunha (PSC) subiu à tribuna durante sessão plenária da Assembleia Legislativa na terça-feira (14), onde confirmou a implantação de um Centro de Distribuição de Hortifrutigranjeiros (Ceasa), em Imperatriz.  
O deputado explicou que decisão foi anunciada na última semana, durante encontro em Brasília com o senador federal, Roberto Rocha (PSB), onde garantiu que o município da região Tocantina será beneficiado com a implantação da Central. “O senador esteve reunido com o ministro da Agricultura, Blairo Maggi, que determinou que o procedimento de implantação fosse iniciado”, ressaltou.
O deputado Léo Cunha informou que o prédio onde funcionará o novo Ceasa será no antigo imóvel que abrigava a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab). “Esse prédio tem toda estrutura para receber esse investimento do Governo Federal, para nós, imperatrizenses, é um orgulho e uma grande satisfação, pois as produções da região hortifrutigranjeira serão beneficiadas na nossa cidade onde haverá mais controle de distribuição”, disse.
A luta do deputado Léo Cunha pela implantação do Ceasa na cidade já é antiga, em 2008, o parlamentar solicitou ao então governador, Jackson Lago (PDT) e Secretaria de Agricultura e Obras, por meio da indicação de número 596/08, um estudo para viabilizar a construção do Ceasa na cidade. Já em 2011, o deputado se dirigiu a ex-governadora Roseana Sarney (PMDB) também por indicação (169/11) para novamente tratar sobre a construção do Centro de Distribuição.
Em 2015, foi a vez do parlamentar solicitar ao governador Flávio Dino (PC do B) a construção do Ceasa no município com mais uma indicação (036/15). “Sempre tratei o Ceasa como uma das prioridades para o nosso povo, essa implantação é de suma importância para os agricultores, comerciantes, para a população de Imperatriz e em toda a região Tocantina, tendo em vista que a cidade fica em região de alta produção agrícola. Acompanharei de perto todo o processo de implantação”, afirmou.


Nenhum comentário:

Postar um comentário