Conheça a Câmara Municipal de Imperatriz

sexta-feira, 3 de fevereiro de 2017

FAMILIA SÃO VICENTE REALIZA XXV ENCONTRO



Uma das tradicionais família de Imperatriz, conhecida por Família São Vicente em função do genitor ser Vicente e também deu nome a Loja S. Vicente localizada na Praça de Fátima por mais de 30 anos, realizou neste final de semana o XXV Encontro de Oração e Reflexão em família.
Teve inicio com a missa de envio na Catedral de Fátima. A equipe de animação e acolhida, preparou um salão de baile belamente decorado com a temática das Bodas de Prata, assim as famílias iam sendo recepcionadas por homens e mulheres trajadas a rigor, que dançavam, ao som de musicas especialmente selecionadas para a ocasião.
Como já é tradição às 18:00 foi rezada a oração do Angelus. As jovens Iara e Samira Silveira fizeram a abertura do Encontro, procurando motivar o grupo para uma participação efetiva, mostrando a importância do encontro como uma dádiva de Deus.
Após o jantar, as famílias foram apresentadas através de dinâmica apropriada e dos Baners com a árvore genealógica de cada um dos 11 filhos. Uma retrospectiva fotográfica contando a historia da família e dos 25 encontros. Em seguida foi mostrado o vídeo do 1º. Encontro realizado em 1993 no mesmo local CTA. Este momento foi marcante e significativo.
Na mesma noite, a turma da animação preparou um encontro musical com os jovens artistas cantores da família Rute Barros, Carol Santiago, Henrique e seu Pai ... nos presentearam com belas canções, um bom vinha e pouca dança. Mas o que contou foi a presença e a satisfação dos que participaram deste momento. No dia seguinte, oração da manha conduzida pelo Ribamar Silva diácono da família.
Após a oração teve inicio a palestra proferida por Elizangela Silva, que é cursilhista, estudante de teologia, advogada. Ela falou sobre o tema: Família uma luz para a sociedade. Disse ser Graça de Deus o que esta família consegue, realizar anualmente um encontro com esta característica, ou seja, de oração e reflexão, mesmo sabendo que não existe família perfeita.
A reflexão foi baseada na da Exortação Apostólica do Papa Francisco “Amoris Laetitia” que trata sobre O Amor na Família, e permitiu analisar a situação das famílias no mundo atual, a importância do matrimonio e da família. Discorreu sobre as várias formações familiares que existem, o que difere dos exemplo de família que conhecemos e o que a Igreja considera família.
Tratou das controversas que o tema provoca na sociedade e o que o papa Francisco tem dito a respeito, sempre lembrando que a misericórdia é a plenitude da justiça e a manifestação mais luminosa da verdade de Deus. Em seguida foi celebrada a missa de encerramento do encontro.
O convidado para celebrar foi o Pe. Eliezer que pela 3ª. Vez participa conosco. Foi uma celebração belíssima e enriquecedora. Duas reflexões marcaram a homilia. Paulo anunciava a Boa Nova. Paulo recebeu noticia pela família de Cloé que estava acontecendo contenda entre eles, ou seja, divisão, diabólico. O contrario de união, simbólico. Quando causamos intriga, divisão = diabólico. Quando causamos união, concórdia = simbólico. Na minha família temos sido mais diabólico ou simbólico? Convertei-vos e crede no Evangelho. A Conversão não é um momento, pode ser o parâmetro, mas a conversão é um processo. Depois vem o discipulado. Jesus chama João, Thiago para ser pescadores de homens.
A 2ª. Mensagem é viver uma vida buscando o Simbólico. A vida é uma dádiva de Deus. Terminada a missa foi servido o almoço que contou com a presença de aproximadamente 100 pessoas, pois já esta se tornando costume as pessoas que não comparecem ao Encontro ele vêm pelo menos no final para a missa e almoço. Constatação de que atualmente são 277 membros da FSV conferidos a partir das arvores genealógicas das famílias.


Dos 11 troncos 7 presentes


Menor família 7 membros Maior família 77 membros
Dos 11 troncos 7 presentes



Menor família 7 membros Maior família 77 membros





Nenhum comentário:

Postar um comentário