quarta-feira, 22 de março de 2017

Dia Mundial da Água: o Maranhão tem muito o que comemorar



O Dia Mundial da Água é comemorado em 22 de março desde o ano de 1993. Essa data busca a conscientização a respeito da importância da água para os seres vivos. O Estado do Maranhão tem muito o que comemorar nessa data.

A Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Recursos Naturais (SEMA) luta diuturnamente para a melhor gestão das águas no Estado, por meio de vários projetos e ações. Um exemplo é a criação dos Comitês de Bacia Hidrográfica. O Estado do Maranhão possui dois comitês, o do Rio Mearim e do Rio Munim. Os Comitês são colegiados formados por representantes da sociedade civil organizada, usuários de água e representações do poder Público. Tem entre suas atribuições promover debates relacionados com os recursos hídricos, articular a atuação das entidades, propor planos, programas e projetos para a utilização de recursos hídricos da respectiva bacia hidrográfica. Em andamento estão os dos rios Itapecuru, Balsas, Preguiças e Parnaíba. Este último em parceria com os estados do Piauí e Ceará.

Além, disso a Secretaria trabalha firme na inspeção dos rios, objetivando examinar vários aspectos, tais como: as dificuldades da navegação, matas ciliares, lançamentos de efluentes, captações diretas e extrações de areia, além de diversos outros olhares.

E para melhor gerir a água, o Estado aderiu a dois programas da Agência Nacional das Águas (ANA). O Programa de Consolidação do Pacto Nacional pela Gestão das Águas(Progestão) e Programa de Estímulo à Divulgação de Dados de Qualidade de Água(Qualiágua).

Neste ano a SEMA deu início ao Plano Estadual de Recursos Hídricos. O Plano delineará estratégias de curto (cinco anos), médio (dez anos) e longo prazo (vinte anos) para assegurar os usos múltiplos das águas, conservação, proteção e recuperação das bacias hidrográficas estaduais, além de subsidiar a tomada de decisões dos membros do Sistema Estadual De Gerenciamento Integrado De Recursos Hídricos.

Estudo Hidrogeológico da Região Metropolitana de São Luís - Subsídios para o Uso Sustentável dos Recursos Hídricos. Uma outra ação importante na preservação das águas. “A elaboração do estudo do levantamento das águas dos subsolos é de extrema importância e auxiliará o Governo do Estado na gestão dos recursos hídricos da Grande Ilha, pois pretende fornecer os subsídios necessários para a continuidade da gestão das águas futura e atual da Ilha", explicou o Secretário de Estado de Meio Ambiente e Recursos Naturais, Marcelo Coelho.

Além de tudo isso, tem o monitoramento e medição da qualidade de água das praias de São Luís e São José de Ribamar. São 21 pontos acompanhados semanalmente, localizados nas praias de Ponta d’Áreia, São Marcos, Calhau, Praia do Meio, Olho d’Água e Aracagy.

“São ações importantes para o fortalecimento da gestão das águas no Estado”, finalizou o gestor.

Nenhum comentário:

Postar um comentário