domingo, 12 de novembro de 2017

Guerra eleitoral

As eleições estão marcadas para o dia 8 de outubro de 2018, no entanto, as disputas pelos votos dos maranhenses já iniciaram e em todos os níveis, legislativo e executivo.
Para governador do estado, até o momento temos definidos os nomes do atual governador, Flávio Dino, da ex-Roseana Sarney, do senador Roberto Rocha, da ex-prefeita Maura Jorge e ainda do jovem Ranely Ricardo e Ricardo Murad, que embora ainda não tenham pontuados nas pesquisas,continuam fazendo campanha e anunciando que não abrirá mão da disputa. E tem ainda prováveis candidatos das esquerda extrema como PSTU e PSOL que ainda não definiram quem são seus candidatos.
Será uma das mais acirradas campanha dos últimos anos e não haverá polarização entre Flávio e Roseana,pois, como opção o eleitor terá ainda três bons nomes.
Pesquisas feitas pelos candidatos mostram números diferentes para cada uma delas, o que deixa o eleitor até o momento indefinido quanto ao voto. Como somente a partir de janeiro é que as pesquisas deverão ser registradas na Justiça Eleitoral e portanto,com todos os dados técnicos na qual ela foi realizada a solução é esperar para conferir o quanto andam as candidaturas.
Uma coisa é certa, todos os analistas políticos são unanimes em afirmarem que a disputa será intensa e não há como prever neste momento quem subirá a rampa dos leões.
Outro detalhe é que os candidatos são integrantes de fortes grupos e partidos, como e o caso do PMDB, PSDB e do PCdoB o que deixa os prefeitos em situação delicada e que terão de assumir suas posições e não ficar em cima do muro.Ou seja, se ficar o bicho come se correr ele pega.

Nenhum comentário:

Postar um comentário