domingo, 7 de janeiro de 2018

Dos representantes maranhenses em Brasília apenas dois se destacam

Roberto Rocha exemplo de senador

O Maranhão possui 18 deputados federais e três senadores, no entanto, se perguntar aos maranhenses, especialmente da região tocantina maranhense, a população desta parte do estado se lembrarão de apenas dois. Do senador Roberto Rocha que mostrou na prática que o senador tem sim condições de conseguirem recursos aos municípios em Brasília e não apenas ficar demonstrando poder de decisão e articulação.
Roberto Rocha pode até não gostar dele - e natural-, afinal, ninguém é obrigado a gostar de outro, contudo temos que ser justo, em um ano de mandato de senador, fez a população lembrar que o estado tem senado, embora, já estivessem lá, João Alberto e Edison Lobão, mas que nunca caíram no varejo como se diz para levantar recursos nos ministérios ou de emendas aos municípios.
Imperatriz, Balsas e outras cidades, estão e serão contempladas com dinheiro para grandes obras e4struturantes que mudarão seus aspectos urbanos e econômicos, como é o caso de Imperatriz que ganhará uma moderna central de abastecimento- Ceasa, Praça de Alimentação de comidas tradicionais o Panelodromo e o shopping popular, so para citar algumas. Dinheiro já empenhado.

Atos como estes de autorizar obras e serviços foi uma rotina do deputado
O outro é o deputado federal Hildo Rocha que tem atendido solicitações de prefeitos, vereadores e lideranças politicas da região e obtido vitórias em recursos já praticamente perdidos como foi o caso do Centro de Esportes Integrado de Açailandia, além de recursos para as áreas de saúde, educação e infraestrutura em Campestre, Estreito, São João do Paraiso, Buritirana, Buriticupu, Carolina, Barra do Corda e outras.
Hildo Rocha não esqueceu também do trabalho de bastidores e prestigio em Brasília, conquistado através da sua competência em várias áreas como Tributária o que o fez ser procurado por ministros e colegas para integrar comissões importantes como a da Reforma Tributária, Orçamento e por ultimo ser nomeado pela presidência da Câmara para o cargo de Procurador da Câmara, um fato inédito ocorrido em um deputado de primeiro mandato.
Em Imperatriz, o parlamentar convidou os vereadores Ademar Freitas Jr, Pedro Gomes e Fabio Hernandez para participar de audiência ao lado do deputado estadual Léo Cunha com o ministro do esporte Leonardo Piciani, quando na oportunidade apresentaram alguns pleitos e já foram liberados como um Centro de Treinamento para o time do Imperatriz, uma ambulância e ainda uma Van para atender a um Cras de Imperatriz.
Mais o que ele considera mais importante foi a aprovação do seu projeto que foi sancionado e determina que seja recolhido na cidade onde foram feitas compras com cartão de Crédito e Débito e não na matriz  da empresa de cartão.

“Com esta lei, os municípios irão aumentar suas receitas em alguns milhares de recursos, tendo em vista que hoje se compra muito com cartões de crédito e débito e vão poder receber o ISS coisa que antes era pago na cidade sede da empresa, o que era um grande erro. Agora, o que for comprado em Imperatriz com cartões, Imperatriz e que recebera o imposto”, disse ele.

Nenhum comentário:

Postar um comentário