segunda-feira, 22 de janeiro de 2018

Prefeitura melhora sistema de descarte de resíduos no Socorrão

Reformas na lixeira do hospital oferecem condições apropriadas de acordo com Anvisa

por Maria Almeida

Está em fase de conclusão a reforma e ampliação da lixeira do Hospital Municipal de Imperatriz, Socorrão. Em situação degradante, depósito não cumpria exigências mínimas determinadas pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária, Anvisa. As mudanças estão sendo feitas de acordo com as normas do Regulamento Técnico para o gerenciamento de resíduos de serviços de saúde e devem ser finalizadas em 15 dias.
Obra contempla troca do piso, teto, instalação e abertura de portas mais largas, readequação de salas, aquisição de bombonas e ampliação da estrutura. “Estamos fazendo as adaptações necessárias, obedecendo às indicações para termos um local menos insalubre, com divisões para lixo comum, material de descarte e infectantes e de fácil acesso para recolhimento” – explica o secretário de Saúde, Alair Firmiano.
Segundo o engenheiro de segurança do hospital, Johnny Carlos, a capacidade era pequena, insuficiente para a demanda do HMI. “Os sacos de lixo eram jogados no chão, amontoados, descartados um em cima do outro, e com o piso quebrado eles acabavam rasgando. Local ficava sempre cheio de chorume, oferecendo risco para os trabalhadores que fazem o recolhimento” – ressaltou.
Com a reforma, resíduos hospitalares serão separados e recolhidos de forma adequada evitando contaminação. “O abrigo que está sendo finalizado é protegido por tela para impedir a entrada de mosquitos e roedores, impedindo contato com lixo contaminado e proliferação de doenças”.


Nenhum comentário:

Postar um comentário