sexta-feira, 23 de fevereiro de 2018

Ministério Público faz operação para investigar mercadinho que fornece para Camara de Açailandia


Na manhã desta sexta feira, 23, a Promotora de Justiça do Município de Açailândia, Glause Malheiros, determinou que uma equipe de investigação do Ministério Público fosse até o mercadinho que se consolidou como maior fornecedor da Câmara Municipal, fornecendo desde disquetes, até fitas VHS. E aqui cabe uma ressalva, o Blog Maicon Sousa apurou que todas as filmagens das sessões são realizadas com câmera digital, que só aceita cartão de memória. As fitas VHS por tanto deixaram de ser utilizadas há anos e filmadoras deixaram de contar com espaço para as fitas. Toda mídia passa por suas evoluções tecnológicas e com o VHS não foi diferente. Com o tempo as fitas vão perdendo sua qualidade e, se não forem digitalizada a tempo, pode ser que você perca aquele registro especial, por isso deixaram de ser utilizadas. Menos pelo presidente Ceará.

A operação está sendo realizada. Para além disso, a Promotoria de Justiça de Açailândia recebeu relatório próprio enviado pelo Tribunal de Contas do Estado - TCE, apontando que no quesito transparência, a presidência da casa de leis está totalmente irregular. O Ministério Público afirma que tomará todas as providências cabíveis.

O presidente Ceará "peita" dois órgãos fiscalizadores ao mesmo tempo. É que a Promotora de Justiça Glauce Malheiros afirma que se reuniu com o presidente Ceará e recomendou a ele que cumprisse com toda a transparência da casa, o que não ocorreu segundo o TCE.


A Promotora Glauce Malheiros recebeu jornalistas na manhã de hoje na sede da Promotoria para falar sobre o assunto. Em meio a graves denúncias de corrupção, a presidência da casa de leis se cala.Do blog do Maicon Sousa

Nenhum comentário:

Postar um comentário