quinta-feira, 22 de fevereiro de 2018

Omissão


Sabemos das  varias falhas da gestão do Estado em Imperatriz. Caema, saúde, Beira Rio caindo. Por que não se ver  intensidade nas denúncias?  Rildo, Carlos Hermes, Aurélio e Ricardo são bem contundentes quando se trata de criticar a gestão municipal e por que  base de  sustentação do governo municipal na câmara de  vereadores é tão mansa  neste sentido  quando o assunto é apontar os erros da gestão estadual. Quem ainda mostra a cara são os vereadores Hamilton Miranda e  Chiquinho da Diferro são os que cobram, acho que os aliados precisam também intensificar nos contra-ataques..
O comentários  feito por um analista politico ontem em frente ao Palácio Dorgival Pinheiro de Souza, sede do poder legislativo imperatrizense, tem absoluta razão. Embora tenha o apoio de 10 vereadores em sua base, Assis Ramos não tem a mesma determinação dos mesmos quando se trata de defendê-lo e como os de oposição a ele os fazem especialmente quando omitem fazer qualquer critica ou comentários contra o governo do estado.
E olha que motivos há para apresentarem criticas em plenário ou nas redes sociais, basta ver os problemas que estão ocorrendo em ações do executivo estadual em Imperatriz, incluindo até manifestação dos servidores da saúde  -alias não vir o vereador Carlos Hermes saindo em defesa dos  servidores e nem mesmo em apoio aos professores da rede estadual em que ele também o e.

Aliados atuam em duas mãos ida e volta e não apenas e uma única via o de ser beneficiado e não dar nada em troca. Que sirva de exemplo aos vereadores da chamada situação municipal e oposição estadual.

Nenhum comentário:

Postar um comentário