sexta-feira, 23 de fevereiro de 2018

Prefeitura incentiva instituições a praticarem Coleta Seletiva


Visitas e palestras podem ser solicitadas na Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Recursos Hídricos

por Sara Batalha

O Plano de gerenciamento de resíduos, já em andamento, e o futuro aterro sanitário trazem a necessidade de discutir a coleta seletiva em Imperatriz. A Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Recursos Hídricos, Semmarh, trabalha esse assunto desde o ano passado em diversos setores da sociedade, escolas, empresas e comunidade em geral. Na manhã de ontem, 21, o Departamento de Coleta Seletiva e Núcleo de Educação Ambiental, Nea, visitou mais uma instituição para uma conversa sobre coleta seletiva, com a equipe da limpeza do Colégio Santa Luzia.
Na oportunidade, diretor do Departamento de Coleta Seletiva, Jairo Sant’Anna falou sobre a importância da separação correta dos resíduos para o meio ambiente e comunidade, assim como para a geração de trabalho e renda. “Desde o ano passado nossa secretaria está trabalhando na implantação da coleta seletiva e apoiando a Associação dos Catadores de Materiais Recicláveis de Imperatriz, Ascamari”, lembra Jairo.
Após a apresentação, os zeladores e gestores do colégio tiraram dúvidas a respeito da coleta e foram alinhadas futuras ações junto aos pais e alunos. A coordenadora pedagógica do ensino fundamental, Denise Sousa, comentou que a importância desse trabalho é a contribuição para o meio ambiente. “Acreditamos que a escola é o ponto de partida, as crianças irão levar essas informações para casa, é um trabalho que vai iniciar na escola, mas eu acredito muito que ele vai ter continuidade, atingirá os alunos, professores, zeladores, pais e funcionários de forma geral”, disse Denise.
Para solicitar visitas e palestras, os interessados devem procurar o Núcleo de Educação Ambiental (Nea) e Departamento de Coleta Seletiva da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Recursos Hídricos, Semmarh localizada na Rua Rafael de Almeida, número 600, Bairro São Salvador, ou entrar em contato pelo telefone: (99)99218-4275.  (Texto de Giuliana Piancó)      


Nenhum comentário:

Postar um comentário