terça-feira, 27 de fevereiro de 2018

Versão preliminar do Plano de Gestão Integrada de Resíduos Sólidos está disponível para consulta


Documento será apresentado durante audiência pública no dia 13 de março

por Sara Batalha

Já está disponível para consulta pública, a versão preliminar do Plano Municipal de Gestão Integrada de Resíduos Sólidos, PMGIRS. Documento, divulgado em formato PDF no linkwww.imperatriz.ma.gov.br/comunicados, é pré requisito para implantação do aterro sanitário da cidade, além de contemplar também as questões relacionadas à coleta seletiva e outros aspectos relacionados aos resíduos sólidos.
Arquivo impresso também pode ser consultado na sede da Prefeitura de Imperatriz, situada na Rua Rui Barbosa, 201, centro; bem como na Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Recursos Hídricos, Semmarh, situada na rua Rafael de Almeida, 600, bairro São Salvador.
O PMGIRS será lido em audiência pública que ocorrerá no próximo dia 13 de março no auditório da Secretaria Municipal de Saúde, Centro, às 14 horas. "A audiência Pública de apresentação e apreciação desta versão (Etapa 4) do PMGIRS, é mais um passo do Município em cumprimento da Lei Federal nº 12.305/2010, que institui a Política Nacional de Resíduos Sólidos e seu Decreto Regulamentador nº 7.404/2010, e a Prefeitura de Imperatriz, por meio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Recursos Hídricos, Semmarh, vem, de já, convidar toda a população e sociedade civil organizada para participar dessa audiência no dia 13 de março para juntos, tratarmos da gestão de resíduos em nossa cidade", convida Rosa Arruda, secretária municipal de Meio Ambiente.
Etapas já realizadas para a concretização do Plano de Resíduos Sólidos de Imperatriz
Ainda durante o ano passado foi contratada a empresa Alto Uruguai - responsável técnica pela composição do Plano - para a elaboração PMGIRS; essa que realizou estudos prévios sobre a cidade. Também foi composto o Comitê Gestor, com membros de diferentes secretarias e órgãos, responsável por direcionar os trabalhos para a realização do Plano. O Comitê também é um requisito legal para composição do documento.
Foram realizadas seis oficinas comunitárias nas zonas urbana e rural, entre os dias de 6 a 10 de fevereiro, possibilitando a participação de mais de 400 pessoas, com proposta de melhorias e esclarecimentos sobre a problemática dos resíduos sólidos na cidade. 


Nenhum comentário:

Postar um comentário