domingo, 25 de março de 2018

Deputado Juscelino Filho é mantido no comando do DEM no Maranhão

Com apoio do DEM, de Juscelino Filho (E), Flávio Dino pode sacrificar o vice, Carlos Brandão
AQUILES EMIR
O governador Flávio Dino (PCdoB), ao que tudo indica, venceu a disputa pelo apoio do Democratas. É o que deixa transparecer a decisão tomada nesta quarta-feira (21) pelo presidente nacional da legenda, Antônio Carlos Magalhães Neto, o ACM Neto, prefeito de Salvador (BA), que baixou Resolução em que mantém o deputado federal Juscelino Filho na presidência da Comissão de Refundação da legenda no Estado.
Mantido o comando com Juscelino, tudo indica que o partido pode confirmar a aliança com o PCdoB, mas há um complicador: os democratas exigem vaga na chapa majoritária, o que pode forçar o governador Flávio Dino sacrificar o vice, Carlos Brandão (cotado para reeleição), ou a deputada federal Eliziane Gama (PPS), que reivindica a segunda vaga para o Senado.
No Parágrafo Único da Resolução do Artigo 1º, ACM Neto diz que Juscelino está autorizado a tomar todas as medidas de caráter administrativo, inclusive os referentes aos atos do processo eleitoral. Seu mandato vai até abril de 2019.
Com a reivindicação do DEM por vaga na chapa majoritária, é provável que Flávio Dino opte por um novo integrante e não alguém que estava nos quadros do partido, e este nome pode ser o do secretário estadual de Educação, Felipe Camarão, que pode ser chamado para a vaga de vice ou para candidato a senador. Outra possibilidade, seria filiar Eliziane Gama na legenda e salvar Brandão.
Nos últimos dias, as especulações davam conta de que o DEM poderia ser entregue ao deputado federal José Reinaldo Tavares, pretenso candidato a senador, que lançaria o deputado estadual Eduardo Braide ao Governo do Estado.
Leia a Resolução do DEM:


Nenhum comentário:

Postar um comentário