segunda-feira, 5 de março de 2018

Procon realiza fiscalização em instituições bancarias

Filas e não recebimento de boletos no guichê de caixa são as principais reclamações

por Maria Almeida

Motivada por reclamações da população, foi iniciada na manhã desta segunda feira, 05, fiscalização às agências do Banco do Brasil em Imperatriz. Em parceria com Promotoria do Consumidor do Ministério Público do Maranhão e Câmara de Vereadores, o trabalho começou pela agência Centro, Rua Godofredo Viana,  e deve passar pelas demais unidades no decorrer do mês.
As principais reclamações são a demora nas filas para atendimento e o não recebimento de boletos abaixo de R$ 1.5000,00 no guichê de caixa. Segundo a coordenadora do Procon Municipal, Josineile Pedrosa, há uma resolução do Banco Central determinando que, se o banco disponibiliza pagamentos destes boletos em canais alternativos como terminais de autoatendimento ou correspondentes, deverá aceitar também pelos canais convencionais, guichês de caixa.
“Nós recebemos várias reclamações de consumidores  que não estavam conseguindo pagar IPVA, conta de água e nem de luz na agência, e estavam sendo encaminhados para pagar em correspondentes bancários e pessoas que estavam se vendo obrigadas a abrir conta no banco em questão para pagar seu IPVA. Vamos analisar, e se forem constatadas irregularidades, lavraremos o termo, e a notificação, caso o banco não responda dentro do prazo previsto, fazendo as adequações recomendadas, poderá ser  penalizado com processo administrativo e ou multa”, afirmou a coordenadora.
Ela ressalta que o objetivo de todas as fiscalizações realizadas pelo Procon Municipal é garantir os direitos previstos no Código de Defesa do Consumidor, inclusive em instituições financeiras. “Nessas ações verificamos se de fato existe o problema reclamado pelas pessoas e de acordo com o ordenamento jurídico trabalhamos para fazer valer os direitos do consumidor”, ressaltou Josineile.

Imagens:

Nenhum comentário:

Postar um comentário