terça-feira, 17 de abril de 2018

VEREADORES HOJE NO USO DA TRIBUNA DA CÂMARA:

*ADHEMAR FREITAS JR (PSC)* foi denunciar a situação que se encontra o residencial Teotônio Vilela, entregue ano passado pelo prefeito Assis Ramos em clima festivo, mas que não suportou nem um único inverno. Hoje já está com ruas intrafegáveis e outras que afundaram completamente. Deixou seu repudio aos responsáveis pelas fiscalizações da Caixa Econômica e não admite que diante de tantos problemas, fiscalizações e demoras, a Caixa não conseguiu entregar uma obra com qualidade: "Dinheiro publico desperdiçado, não me convencem as desculpas, pelo que se vê. Foram apenas cumprimento de formalidades, pois apenas seis meses depois já está nessa situação. A empresa tem que ser notificada e  resolver isso urgentemente. Farei denuncia aos deputados federais, buscarei formas de penalizar os responsáveis e se possível decretar a incompetência desta empresa. Me sinto envergonhado com uma situação dessas e de ter participado da entrega daquelas casas; ver a alegria das pessoas e em apenas seis meses assistir o choro das famílias. Não irei aceitar uma imoralidade daquelas e não me calarei"

*HAMILTON MIRANDA (PP)* disse que é lamentável ver que estão antecipando as eleições, tanto do lado da prefeitura como do governo do estado, e citou a situação das UTIs que tiveram suas unidades diminuídas em um cabo de guerra que vem prejudicando apenas a população. "Se houvesse união, só a população ganharia, pois são homens que o povo confiou o mandato. Que sentem e definam o que é melhor para a sociedade, vamos pensar na nossa cidade, é um apelo que faço". Para ele as pessoas não querem saber de quem é a culpa, querem é que se resolvam as situações. Quando os políticos brigam quem perde é o povo.

*ZESIEL (PSDB)* Foi à tribuna para dizer que não existe essa dicotomia politica pregada no estado do Maranhão. "Graças a articulação politica do ex-prefeito Madeira, hoje o PSDB tem 30 prefeitos, 3 deputados estaduais, 2 federais (nao tinha nenhum) e 1 senador. Graças a Madeira o partido sai muito maior de todas as articulações, tem candidato e irá disputar de forma forte e precisa. "Roberto Rocha é um senador técnico e será o fiel da balança desse processo, Madeira se consolida como grande liderança politica do Maranhão, e com certeza se sagrará como deputado federal, talvez o mais votado"

*CARLOS HERMES (PCdoB)* levou denuncia que chegou durante a sessão de que 4 carrinhos de ambulantes foram apreendidos: "Sou a favor da organização e a mobilidade urbana é importante, mas as pessoas tem que poder pelo menos comer, e a unica saída é trabalhar com o que podem, pois foi o que a vida lhes proporcionou". Para ele devem ser feitos locais próprios para colocar essas pessoas e não tomar o meio de trabalho.
Falou sobre a situação de escolas conveniadas, que ate hoje não foram contratadas legalmente, mesmo já tendo sido licitadas e regularizadas, alem de atrasos aos pagamentos dos alugueis. Citou a ótima iniciativa da prefeitura de ter iniciado a reforma da Praça da Cultura, mas que se deve levar em consideração a preservação dos aspectos históricos. "O coreto não deve ser derrubado por questões de bom senso, pois só assim teremos um museu, com locais que tenham ligação direta com a historia da cidade. Destruir uma construção como aquela é um prejuízo a memória de imperatriz. Registou também que a prefeitura não está depositando os recursos do fundo municipal de cultura: "Tem a obrigação mas isso não está sendo feito"

*BEBÉ TAXISTA (PEM)* voltou a reclamar sobre a falta de compromisso de alguns assessores da prefeitura com as cobranças dos vereadores, mas que agora houve resposta não só a ele, mas a vários parlamentares. Colocou também a situação de secretários ou pessoas de cargos de confiança tanto da prefeitura como do estado, que abdicam de trabalhar para o povo, para ficarem se digladiando em redes sociais: "O que o povo tem haver com isso? não leva melhora alguma ao município de Imperatriz nem ao estado do Maranhão, é lamentável ver essas coisas. Qual os resultados que a cidade teve com Marlom e Adonilson trocando insultos e mandando outras pessoas espalharem essas postagens? NENHUM!". Pra ele Imperatriz perde muito e talvez quando os governos acordarem seja tarde. "Gente que vive em rede social vigiando facebook e whatsapp pra justificar seus salários. Botem freio, cortem as línguas ou os dedos desse povo para que parem de atrapalhar as gestões. Auxiliares tem que ter postura e contribuir, não ficar com essa molecagem"

*ALBERTO SOUSA (PDT)* também levou a Tribuna a situação de agentes públicos apreendendo carrinhos de mão das pessoas trabalhando no mercadinho. "Não quero acreditar que o prefeito Assis tem conhecimento do que ocorreu hoje no mercadinho, não é possível que num momento de crise dessas, gente passando fome, vão la tomar o meio de trabalho de quem esta apenas buscando sobreviver. É momento para isso? É assim que vamos ajudar as pessoas que estamos aqui para representar?". Para ele é impensável o que deve estar passando pela cabeça desses, que sem ter um trabalho formal, apelam pra o que lhes sobra. "Antes de sermos policiais, vereadores, agentes públicos, temos que ser humanos. Se isso não for levado em conta, nem vale a pena estar aqui". Ele informa que não é a favor da bagunça, mas defende a dignidade humana. "Temos que ter a grandeza de olhar para as pessoas e que o prefeito tenha  sensibilidade de antes de ser delegado, ser humano, pois a unica coisa que esse povo quer é trabalhar"

Nenhum comentário:

Postar um comentário