segunda-feira, 28 de maio de 2018

Crianças, idosos e gestantes devem se vacinar contra gripe até 1º de junho

Meta é atingir 90% dos grupos prioritários

por Maria Almeida

A aplicação das doses começou em Imperatriz em 23 de abril, e desde então a vacina está disponível nas Unidades Básicas de Saúde. A Secretaria Municipal de Saúde, Semus, realizou ainda no último 12, o dia D, quando as 37 UBS´s ficaram abertas das 8h às 17h, para imunizar contra o vírus da gripe; além de vacinar no mutirão “A Gente Faz Cidadania” na Escola Municipal Edelvira Marques, Bairro Planalto. No entanto, a procura ainda é baixa.
De acordo com o boletim emitido pela Semus, até a última sexta-feira, 25, foram vacinadas 31.484 pessoas, sendo 6.168 trabalhadores de saúde; 1.359 gestantes; 628 puérperas; 14.317 idosos; 2.005 professores; 6.977 crianças - 36% e 4.717 pacientes crônicos.  “Dos grupos prioritários, o que estamos mais distante da meta são crianças, idosos e gestantes, apesar de todas as estratégias realizadas” – ressaltou a coordenadora municipal de Imunização, Socorro Ribeiro.
O secretário de Saúde, Alair Firmiano explica que equipes volantes formadas por profissionais das Estratégias e Saúde da Família estão aplicando vacinas em escolas e instituições para facilitar o acesso. “Além da disponibilidade das UBS´s estamos com essa logística, mas é necessário o interesse da comunidade para que possamos atingir nossa meta, de 90%, e até o momento só estamos com 58% de cobertura” – alertou.
Têm direito à dose, idosos a partir de 60 anos, crianças de seis meses a cinco anos incompletos, trabalhadores da saúde, professores das redes pública e privada, povos indígenas, gestantes, puérperas (até 45 dias após o parto), pessoas privadas de liberdade e funcionários do sistema prisional.
Moradores com doenças crônicas e outras condições clínicas especiais também devem ser imunizados. Nesse caso, é preciso apresentar uma prescrição médica no ato da vacinação. Porém, pacientes cadastrados em programas de controle de doenças crônicas do Sistema Único de Saúde (SUS) devem procurar os postos em que estão registrados para receber a dose, sem necessidade de prescrição médica, até 1º de junho, quando encerra a campanha.

Imagens:

Nenhum comentário:

Postar um comentário