quinta-feira, 3 de maio de 2018

Vereador Levi Marinho mantém duplicidade de salários e embolsa mais de R$ 40 mil da Câmara de Sítio Novo


Alô, Polícia Federal! O vereador Levi Marinho, da Câmara Municipal de Sítio Novo, no sudoeste do Maranhão, também servidor público do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária [INCRA], lotado na Unidade Avançada de Imperatriz, na função de Assistente de Administração [nível III], que deveria cumprir 40 horas semanais, recebeu remuneração mensal R$ 5.151,93, no período de junho a novembro de 2017, totalizando R$ 30.911,58.
De acordo com o Portal da Transparência, Levi Marinho apresentou pedido de afastamento (licença) para ser cumprido durante o período de 02 de janeiro de 2017 a 31 de dezembro de 2020, porém continua em situação ativa e recebendo salário do órgão federal, bem como na função pública de vereador da Câmara Municipal de Sítio Novo.
Marinho recebe do Poder Legislativo remuneração de R$ 4.545,00, sendo que, no período de agosto a abril de 2018 já embolsou mais de R$ 40.905,00 – mantendo duplicidade de emprego e salário --, prática que é proibida pela Constituição Federal.
O vereador, que está no sétimo mandato parlamentar, deverá prestar esclarecimentos, devolver a quantia recebida e ainda optar um dos salários – ou seja – da Câmara de Sítio Novo ou do Incra.

-- Vereador Levi Marinho, de Sítio Novo-MA, terá que devolver recursos públicos recebidos indevidamente da Câmara Municipal

Nenhum comentário:

Postar um comentário