quinta-feira, 28 de junho de 2018

Entenda o problema que afetou o lateral-esquerda Marcelo no último jogo da seleção


No último jogo da seleção brasileira na Copa do Mundo contra a Sérvia, o lateral-esquerda Marcelo assustou os torcedores quando, com apenas quatro minutos de jogo, sentiu fortes dores e ficou impossibilitado de continuar a partida, saindo de campo com as mãos nas costas, sem poder andar direito. A princípio, sem diagnóstico médico exato, seria uma lesão na lombar, mas ao final do dia a notícia de que o jogador havia sofrido um “espasmo na coluna” percorreu o mundo.
Segundo o especialista em coluna, Doutor André Pagotto espasmos desse tipo são comuns entre atletas. “A musculatura do jogador teve uma contração involuntária, caracterizada por um movimento irregular, onde o músculo acaba não exercendo sua atividade normalmente, provocando dor intensa. Entretanto, o músculo volta ao normal em pouco tempo, possibilitando ao jogador uma recuperação rápida e sem consequências. Um tratamento com analgésicos e relaxantes costumam resolver o problema”, esclarece.

Com a vitória sobre a Sérvia, o próximo jogo da seleção brasileira ocorre somente na segunda-feira (02), contra o México. Isso tranquiliza os jogadores e torcedores, pois, com tempo suficiente para sua recuperação, “as possibilidades de Marcelo ficar fora da próxima partida são nulas”, ressalta o médico.

Nenhum comentário:

Postar um comentário