quarta-feira, 25 de julho de 2018

Dermatologista alerta sobre cuidados com a pele no período de veraneio

Uso de roupas adequadas, protetor solar e ingestão de água estão entre as medidas preventivas

por Sara Batalha

Exposição aos raios solares pode ser prejudicial à pele, caso a pessoa não se proteja adequadamente. Estar atento aos horários e tempo, usar protetor solar, bonés ou chapéu e hidratar-se são alguns cuidados que devem ser tomados para prevenir queimaduras, manchas solares, entre outros efeitos cumulativos e o temido câncer de pele.
Na Praia do Cacau não é difícil encontrar banhistas em qualquer horário, expostos ao sol e às altas temperaturas. O pedreiro Ariel Ângelo, 66, conta que sempre trabalhou durante o dia, primeiro na lavoura e depois na construção civil e revela não usar protetor solar, mesmo sabendo dos riscos. “Eu nunca tive esse cuidado. Mas vou passar a ter por causa dos efeitos do sol, que prejudica a pele e por causa desse alerta vou usar”, reconheceu. Quanto à hidratação, ele afirma ingerir cerca de quatro litros de água diariamente.
Sara Costa,22, é dona de casa e está gestante, ela destaca que sempre usa o protetor solar, mas que geralmente não repõe a cada duas horas e revela também que, mesmo estando grávida, não costuma ingerir muito líquido. “Eu uso o protetor, mas é só uma vez mesmo e olhe lá. Também não costumo beber água suficiente por dia não”, pontuou.
Já a manicure Nathália Morais, 25, que aproveitava a praia com as filhas, diz ter bastante cuidado nesse período. “Uso muito protetor e reponho a cada duas horas, mesmo quando estou na sombra da barraca tenho essa prevenção, porque está muito quente. Também fico atenta, principalmente, às crianças. Tomo muito liquido, muito suco, porque em um calorão não dá pra descuidar”, conta.
O dermatologista Régis Albuquerque explica que, em ambiente urbano, os cuidados são usar chapéu ou boné, camisas de mangas compridas, usar guarda-sol, transitar pelo lado da sobra e principalmente, usar protetor solar. “O protetor solar deve ser aplicado, pelo menos, uma vez cedo pela manhã e outra à tarde, sendo interessante aplicar 30 minutos antes de se expor ao sol”, detalhou o médico. Ele lembra ainda que é de extrema importância estar sempre bem hidratado, por meio de ingestão de líquidos e com hidratante corporal.
Já quando for à praia ou balneários com crianças, a dica é aplicar o protetor antes de sair de casa, e não deixar para passar quando chega no local, pois nesses ambientes vai ser mais difícil contê-los para o uso do produto.
Sobre o protetor, a indicação do dermatologista é reaplicar após suar muito, tomar banho ou secar-se, ou quando não, a cada duas horas. Ele ressalta que na "região, deve ser utilizado a partir do fator de proteção solar, fps 30”, explicou. Mesmo filtros solares “a prova d'água” devem ser reaplicados.
De acordo com o Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva (Inca), conforme estimativa 2018 e 2019, o câncer de pele, do tipo não melanoma é o mais frequente no país e deve apontar cerca de 165 mil novos casos diagnosticados por ano. Confira dicas do Ministério da Saúde para prevenir o câncer de pele:
Fatores de risco para desenvolver o câncer de pele?
- História familiar de câncer de pele;
- Pessoas de pele e olhos claros, com cabelos ruivos ou loiros;
- Pessoas que trabalham frequentemente expostas ao sol sem proteção adequada;
- Exposição prolongada e repetida ao sol na infância e adolescência.
O sol é importante para a saúde, mas é preciso ter cuidado com o excesso. Quando seus raios ultravioleta (tipo B) atingem as camadas mais profundas da pele, podem alterar suas células e provocar envelhecimento precoce, lesões nos olhos e até câncer de pele. Alguns cuidados são necessários, principalmente para aqueles que trabalham ao ar livre.
O que deve ser feito no lazer para prevenir o câncer de pele?
- Evitar exposição prolongada ao sol entre 10h e 16h;
- Usar sempre proteção adequada, como bonés ou chapéus de abas largas, óculos escuros, barraca e filtro solar com fator mínimo de proteção 15.
E no trabalho ao ar livre?
- Não deixar de usar: chapéus de abas largas, camisas de manga longa e calça comprida;
- Se puder, use óculos escuros e protetor solar;
- Procurar lugares com sombra;
- Sempre que possível evite trabalhar nas horas mais quentes do dia.

Imagens:

Nenhum comentário:

Postar um comentário