quarta-feira, 30 de janeiro de 2019

Comissão analisa lista de medicamentos que serão licitados pelo Município


Serão mais de dois mil itens para Rede de Atenção à Saúde, SAMU, HMI e outros

por João Rodrigues

Profissionais que integram a Comissão de Farmácia e Terapêutica, CFT, órgão da Secretaria Municipal de Saúde, Semus, iniciaram na manhã desta terça-feira, 29, reunião de discussão e análise da lista de medicamentos e correlatos que serão adquiridos pela Prefeitura de Imperatriz nos próximos dias, para atender toda a Rede de Atenção à Saúde durante este ano. Serão mais de dois mil itens para o Hospital Municipal, Atenção Básica em Saúde, SAMU, entre outros.
“Estamos analisando, de acordo com os parâmetros técnicos e legais, os itens presentes na licitação 2019 para a aquisição dos mais de mil itens entre medicamentos e, também, correlatos (material de curativo e etc) para garantir melhor atendimento aos usuários”, ressaltou a presidente da Comissão de Farmácia Terapêutica, Bruna Castro Barbosa Matos.
Do encontro participou, ainda, a advogada Regina Célia Nobre Lopes, integrante do Conselho Municipal da Pessoa com Deficiência e da comissão de farmácia do Município. Ela destacou a importância da análise para a população que vai receber a medicação. “Então essa aquisição dos medicamentos, correlatos e tudo mais é de suma importância, pois representa a visibilidade que o Município está tendo, demonstra a preocupação que o prefeito e todos nós temos com relação à saúde”.
Como a lista de medicamentos é extensa, os servidores da Semus que integram a Redes de Atenção à Saúde de Imperatriz e a CFT atuarão em sistema de revezamento. Eles têm até esta quinta-feira, 30, para entregar a lista revisada à Comissão Permanente de Licitação, CPL.
Licitação dos medicamentos
De acordo com o funcionário do setor de licitação na Semus, Eduardo Carvalho, com a conclusão da avaliação, a CPL dará início a fase de licitação com a etapa de lances pelas empresas concorrentes. A previsão é que em abril o processo seja concluído com sucesso e com a compra dos medicamentos e insumos.

Imagens:

Nenhum comentário:

Postar um comentário