domingo, 9 de junho de 2019

Com boa música, solidariedade, gastronomia e descontração, o circuito cultural nos mercados inicia no Mercadinho e segue para os bairros Bom Sucesso e Bacuri


por Ricardo Becker

Neste domingo, 9, a partir das 8h da manhã, o projeto “Abrindo Mercado” da Fundação Cultural de Imperatriz, FCI, vem chegando com um conceito já conhecido, mas com propostas que prometem conquistar ainda mais o público. Música boa, com a  banda The Leards, solidariedade, com sorteio de um violão, oficina de maquiagem, mãos e limpeza de pele da grife Mary Kay, com presença confirmada do embaixador de fragrâncias da marca, uma saborosa galinha caipira preparada pela chef Linda Morais, regada com o chopp Oktos.

Neste mês de junho o Abrindo Mercado terá três edições, no Mercadinho Vicente Fritz, Centro da cidade será o ponta pé, passando por Bom Sucesso, dia 16, e Bacuri, dia 23. Na ocasião, serão arrecadados alimentos para entidades beneficentes, neste caso a Casa de Isaura, na Vila Cafeitra. E aqueles que colaborarem doado 1kg de alimento não perecível poderão participar do sorteio de um violão. 
Satisfação como conceito
“Abrindo Mercado” não é só um projeto por si só, a cada nova edição novas possibilidades são disponibilizadas àqueles ávidos frequentadores das feiras da cidade, neste dia 9, a ida ao Mercadinho proporcionar ao frequentador uma experiência única de viver o entretenimento voltado ao tradicional ato de comprar misturado com ações que carregam bons momentos de descontração. 
Uma gestão que segmenta suas ações
Para o presidente da FCI, José Carneiro Buzuca, a proposta do evento é incentivar e valorizar a cultura, as pessoas e lugares onde as edições são realizadas. "Contamos com o total apoio do prefeito Assis Ramos, que é um amante dos mercados tradicionais de compras e têm nos incentivado nessa missão", enfatiza.
"O Abrindo o Mercado nos leva aos finais de semana, em especial ao domingo, onde era certo pai e/ou mãe ir até a feira (o mercado) e comprar o que faltava para o almoço de domingo. E é aí que entra o projeto. Por que não curtir seu domingo na mais tradicional arte de comprar, o mercado?" completa o Buzuca.

Imagens:

Nenhum comentário:

Postar um comentário