sexta-feira, 28 de junho de 2019

Formada a rede de proteção a Mulher de Imperatriz



Aconteceu na sede da Agência Executiva Metropolitana do Sudoeste Maranhense (AGEMSUL), o encontro de autoridades e sociedade organizada que fazem parte a Rede de Atendimento à Violência contra a Mulher em Imperatriz.
Na oportunidade foram discutidas as formas de interação entre os órgãos de segurança do estado e de justiça que fazem parte da Rede de Atendimento, como forma de combater e conter sistematicamente o avanço desse tipo de violência.
Para a Promotora de Justiça, Aline Matos, A iniciativa estabelece uma agenda de trabalho onde todos os órgãos possam fazer intervenções mais positivas diante de um problema grande e que envolve toda a sociedade. “O governo do Estado tem uma dinâmica permanente de acompanhamento sobre as questões que atingem as mulheres principalmente relacionada a violência”, observa a Promotora.
A deputada licenciada e Secretária de Estado da Mulher, Ana do Gás, enalteceu a iniciativa da AGEMSUL através do Governo do Estado de realizar encontros de integração com o objetivo de debater e conter a violência que atingem as mulheres na região tocatina. “Uma agenda extremamente positiva que fortalece a rede de enfrentamento contra a violência doméstica, através da integração de ações entre Juizado de Violência Doméstica Contra a Mulher, da Delegacia da Mulher, da Promotoria, do Município através da Secretaria da Mulher entre outras entidades”, frisa a Secretária.
O presidente da AGEMSUL, Frederico Ângelo, destacou a preocupação do governo em manter a assistência e atenção às minorias e a mulher vítima de abuso sexual e violência doméstica. “Breve a cidade de Imperatriz vai receber a “Casa da Mulher Maranhense” que vai auxiliar no atendimento à mulher vítima de violência. No Brasil será a primeira casa de atendimento fora da capital construída pelo governo do estado. Fico feliz em poder contribuir no combate a violência contra a mulher e no debate que deve fortalecer essa rede de assistência”, disse

Nenhum comentário:

Postar um comentário