quinta-feira, 19 de setembro de 2019

Semmarh realiza reunião de conscientização ambiental

CONSCIENTIZAÇÃO

Ação faz parte do cronograma de atividades do programa Agenda Ambiental na Administração Pública, A3P.

 por Rafael Pestana

Nesta quarta-feira, 18, a Secretaria Municipal do Meio Ambiente e Recursos Hídricos, Semmarh, por meio do setor de Educação Ambiental, se reuniu com servidores coordenadores de setores da Secretaria Municipal de Educação, Semed, para discutir ações de uso consciente e sustentável de materiais no ambiente de trabalho. A iniciativa faz parte do programa federal do Ministério do Meio Ambiente, a Agenda Ambiental na Administração Pública, A3P. Iniciativa objetiva estimular a reflexão e mudança de atitude dos servidores, para que os mesmos incorporem critérios de gestão socioambiental em suas atividades diárias.
"Na reunião, práticas como reduzir a utilização de copos descartáveis, e até mesmo a substituição deles por copos e canecas pessoais foram incentivadas. Esse tipo de proposta além de ser atual é importante para o futuro das gerações e do planeta", afirmou Domingos Bandeira, secretária adjunto de ensino da Semed.
A A3P, além de estimular os órgãos públicos do país a implementar práticas de sustentabilidade, também se preocupa em obter eficiência nas ações públicas ao mesmo tempo que promove a preservação do meio ambiente. Ao aplicar as práticas sustentáveis estabelecidas pela Agenda, os órgãos públicos, além de protegerem o meio ambiente, também promovem a redução dos gastos públicos.
Mudanças climáticas e a importância da preservação do meio ambiente são pautas reais e, assim como a população, os órgãos públicos também devem adotar práticas que visem a sustentabilidade. Entre os procedimentos considerados sustentáveis, a coleta seletiva, por exemplo, se tornou uma prática corriqueira, além disso, pode-se adotar sistemas que evitem o desperdício de água. Uma prática que também pode ser colocada em ação nas instituições públicas é a garantia de que todas as licitações ocorram de acordo com critérios de sustentabilidade.
Esta é uma agenda voluntária, por tanto não existe nenhuma norma impositiva ou sanção para órgãos ou servidores que não seguirem as diretrizes do programa. A A3P tem como base seis eixos voltados para o desenvolvimento de práticas sustentáveis, são eles: Uso dos recursos naturais; Qualidade de vida no ambiente de trabalho; Sensibilização dos servidores para a sustentabilidade; Compras sustentáveis; Construções sustentáveis; e Gestão de resíduos sólidos.

Imagens:

Nenhum comentário:

Postar um comentário