sábado, 1 de fevereiro de 2020

Demandas do Conselho Tutelar são discutidas em reunião com a Sedes

DIÁLOGO

“Nós queremos andar em conjunto”, afirma a secretária Janaína Ramos aos conselheiros.

por Sara Batalha

Para atender à solicitação do Conselho Tutelar Área 2, foi realizada nesta quinta-feira, 30,reunião com a secretária de desenvolvimento social, Janaína Ramos, no próprio local, na Vila Nova. Conselheiros do Área 1, Centro, também estiveram presentes e expuseram suas demandas, além de representantes da Casa dos Conselhos que também participaram. Os pedidos dos conselheiros foram relacionados à adesão de plano telefônico, implantação de brinquedoteca, identidade funcional, e outros.
Sobre os pedidos, Janaína foi enfática em afirmar que não pode solucionar todos os problemas, “eu estaria mentindo, se assim o fizesse. Nós sabemos que não é desta forma que funciona o serviço público, tudo demanda tempo, tudo é por meio de licitação, não é bem simples assim para resolver as coisas. Mas, nos colocamos à disposição e com toda boa vontade, nós da Secretaria de Desenvolvimento Social e a presidente da Casa dos Conselhos, para que as coisas fluam tranquilamente nas duas Áreas”, disse a secretária.
O coordenador do Conselho Tutelar Área 2, Ciro Rodrigues, se mostrou satisfeito com as soluções apontadas na reunião. “A maior parceira do Conselho, neste momento é a Sedes, tendo em vista que, o orçamento vem de lá. Não adianta fazermos essa cobrança por meio judicial, nós temos que buscar resolver tudo de forma amigável, temos que trabalhar ombreados, e a secretária teve essa sensibilidade, logo marcou essa reunião, veio e está aí, todo mundo saiu satisfeito. Que tudo seja resolvido desta forma, com diálogo e sem envolver a terceiros”, destacou.
A maioria das demandas solicitadas pelos conselheiros está passível de ser resolvida, algumas inclusive, já foram encaminhas pela secretária ainda durante a reunião, com algumas ligações telefônicas. Outras, as que demandam mais tempo e maior disponibilidade de recursos, serão analisadas e encaminhadas a setores específicos.

Imagens:

Nenhum comentário:

Postar um comentário