segunda-feira, 23 de março de 2020

Quatro UBS começam a funcionar de 8h às 20h

PREVENÇÃO

Milton Lopes, Cafeteira, Vila Lobão e Maria Aragão são as unidades com atendimento especial

por João Rodrigues

Desde sesta sexta-feira,20, quatro Unidades Básicas de Saúde, UBS, passaram a funcionar em horário estendido das 8h às 20h, para reforçar o atendimento à população com foco nos casos de pessoas com sintomas suspeitos do novo coronavirus. As UBS Milton Lopes, Cafeteira,  Vila Lobão e Maria Aragão, tem atendimento em horário especial. 
Todos os enfermeiros e médicos que integram a rede de saúde, em especial dessas UBS, passaram por treinamentos e estão preparados para atuar na identificação e tratamento de casos suspeitos.
A coordenadora da Atenção Básica, Sormane Branco, destacou que o atendimento em horário especial será inicialmente neste período de 15 dias de vigor do decreto do prefeito Assis Ramos, com medidas emergenciais sobre a prevenção ao Covid-19, mas há previsão de permanecer por muito mais tempo.
“Este atendimento, a priori, agora por conta dessa situação do novo coronavirus, mas depois vai continuar porquê existe um projeto chamado Saúde na Hora, do Ministério da Saúde, sobre o horário estendido nas UBSs e essas quatro UBS vão permanecer”, revelou.
Sormane ressaltou que assim como nas demais UBS, nas quatro que funcionam em horário especial não haverá atendimento de caráter eletivo. 
O secretário de saúde, Alair Firmiano, disse que a gestão do prefeito Assis Ramos vem adotando todas as medidas possíveis para melhor atender a população e alertou que em casos de gripe simples, as pessoas se esforcem para permanecer em casa e evitar aglomerações entre outras medidas de prevenção.

Equipe
As quatro UBSs que terão atendimento em horário especial estão preparadas com material e pessoal treinado para agir em caso de pessoas que apresentem sintomas suspeitos do novo coronavírus.  Sormane lembrou que nas demais UBS o atendimento será mentido das 8h às 17h com técnicos de enfermagem, enfermeiros, médicos e outros profissionais.
Conforme o protocolo adotado pelas autoridades em saúde, as pessoas com febre, tosse e problemas respiratórios devem procurar as Unidades de Saúde do bairro ou as quatro UBS que atendem em horário estendido e estas farão o encaminhamento para a Unidade de Pronto Atendimento São José que, se necessário, será colhido material para exames.
Dependendo do quadro da pessoa, ele pode ser encaminhada para casa onde ficará em isolamento sob acompanhamento de profissionais de saúde ou, em caso mais greve, será internado no Hospital Macorregional.

Imagens:

Nenhum comentário:

Postar um comentário