quinta-feira, 9 de abril de 2020

Prefeitura interdita 12 casas com risco de desmoronamento

SEGURANÇA

Fortes chuvas e movimentação do solo provocaram rachaduras nas casas

por Islene Lima

A Prefeitura de Imperatriz, por meio da Defesa Civil interditou 12 casas, na terça-feira, 07, na Beira Rio, perto do cais, após constatar que os imóveis poderiam desmoronar a qualquer momento.
Segundo o superintendente da Defesa Civil, Josiano Galvão, as fortes chuvas ocorridas na região, a movimentação do solo, o encharcamento da terra, e o alagamento nessa região provocado pelo rio Tocantins, foram motivos que levaram as residências a ficarem com rachaduras, colocando em risco a vida dos moradores.
“Infelizmente essas famílias tiveram que ser retiradas das suas casas por segurança, logo quando interditamos após algumas horas, mais de 6 desmoronaram. E o que seria apenas percas materiais, poderia ter sido uma grande tragédia caso não tivéssemos retirado eles dos imóveis”, afirma Josiano.
Ainda de acordo com o superintendente, as famílias foram levadas para abrigos, sendo assistidas pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social, Sedes, que esteve acompanhando juntamente com a equipe da Defesa Civil, as famílias desalojadas.
Vale ressaltar que a recomendação da Defesa Civil é para que os moradores da Beira Rio, ou qualquer localidade da cidade que o imóvel  apresentar rachaduras, é preciso chamar  o órgão responsável para vistoria. "Não temos como obrigar as pessoas a deixarem as suas casas, daí a importância de tomar consciência sobre a preservação do bem maior de cada um, que é a vida", esclareceu o superintendente.  
Abrigos:
Igreja Beira Rio 
Abrigo da Sedes - Rua Hermes da Fonseca, 49, entre as ruas Piauí e Maranhão 





Imagens:

Nenhum comentário:

Postar um comentário