segunda-feira, 20 de abril de 2020

Prefeitura pede atenção a consumidores, feirantes e donos de estabelecimentos contra o COVID-19

PREVENÇÃO

Algumas medidas são essenciais para conter o vírus

por Islene Lima

Devido à necessidade do confinamento ao novo coronavírus, alguns serviços essenciais como supermercados, feiras e mercearias permanecem ativos, principalmente para quem não tem acesso a compras online ou a estabelecimentos que façam entrega. 
Diante disso, a Prefeitura por meio da Secretaria Municipal de Saúde, Semus, reitera mais uma vez o papel do consumidor, vendedor e funcionários, com relação aos cuidados básicos de higienização dos produtos, e as medidas de distanciamento para que não ocorra aglomeração de pessoas.
Segundo a Organização Mundial da Saúde, OMS, o novo coronavírus pode estar impregnado mesmo que por segundos em embalagens ou nos próprios alimentos. “Neste momento do pico da doença, todas as instruções e prevenções devem ser levadas em considerações. Percebe-se que em nossa cidade muitos estabelecimentos ainda não estão seguindo as recomendações, o que é bem triste, pois o vírus tende a se manifestar semanas depois. Por isso nós da saúde estamos batendo na mesma tecla para que as pessoas só saiam de casa em caso de extrema necessidade”, explica a enfermeira da Unidade Básica de Saúde, Maria Viana. 
A profissional enfatiza também que as idas ao comércio devem ser programadas e listadas, desde a sacola que você vai colocar sua mercadoria, até o momento de guardar as compras. 
“Em Imperatriz além dos supermercados, temos várias feiras livres em diversos bairros, e o fato de ser ao ar livre não impossibilita que o vírus esteja por lá, pelo contrário, ambientes onde teoricamente passam pessoas, já é um lugar não protegido, por isso o cuidado dos produtos deve existir mesmo quando as compras são através de delivery”. 
Vale lembrar que o risco da doença em pessoas mais velhas é mais preocupante, portanto é aconselhável que idosos evitem frequentar feiras, supermercados e no lugar deles, jovens façam as compras, respeitando sempre as instruções do Ministério da Saúde. O correto é procurar horários de menor movimento, evitando assim uma exposição excessiva de todos os familiares. 
Dicas
- Tente permanecer em ambientes arejados. 
- Leve com você álcool gel 70%. 
- Evite tocar em superfícies e sempre que achar necessário passe o álcool gel. 
- Não compartilhe objetos. Copos, garrafas e talheres entre outros. 
- Ao tossir ou espirrar cubra o nariz e a boca com um lenço descartável ou a dobra do cotovelo. 
- Mantenha uma distância mínima de 2 metros das outras pessoas. 
- Higienize as embalagens ao voltar das compras. 
- Leva as mãos com água e sabão durante 40 segundos. 
- Higienize as frutas e verduras antes do consumo. 
- Feirantes e donos de estabelecimentos, evitem aglomerações! 
- Apenas uma pessoa de cada família no interior do ponto comercial; 
É obrigatório 
- Uso de máscaras laváveis ou descartáveis, por todos, proprietários, empregados ou clientes; 
- Higienização frequente das superfícies e local para funcionários e clientes com álcool em gel ou água e sabão para lavagem das mãos. 


Imagens:

Nenhum comentário:

Postar um comentário