quinta-feira, 2 de abril de 2020

Saúde Mental realiza programação sobre autismo

CONSCIENTIZAÇÃO

Atividade vai debater pontos essenciais sobre o tema e trará exercícios pedagógicos

 por Ariel Rocha

Esta quinta-feira, 02, é o dia mundial que faz referência à conscientização do autismo. No Brasil, o movimento unificado traz como lema de campanha “Respeito para todo o espectro”. Em Imperatriz, a rede de saúde mental do município, por meio de transmissão ao vivo no seu instagram oficial (@rededesaudementalitz), às 19h, reunirá profissionais para debater pontos essenciais sobre o autismo.Programação é voltada principalmente para os familiares e cuidadores de pessoas com o diagnóstico.
Iniciativa é realizada em parceria com Associação de Familiares e Amigos de Pessoas com Autismo de Imperatriz, Afagai, e profissionais da Clínica MÃE. A transmissão contará com presença da fonoaudióloga Sheila Belchior e da psicóloga Nádia Borges, para debater pontos essenciais sobre o autismo. Além de  abordar o comportamento diante do distanciamento social decorrente do covid-19 e trará sugestão de atividades pedagógicas a serem realizadas.
De acordo com a coordenadora de saúde mental, Kátia Carvalho, que mediará o debate, a transmissão tem o objetivo de levar para a sociedade mais informações sobre o autismo, principalmente no dia mundial de conscientização. “É essencial que busquemos ter perseverança, paciência, disposição e amor para lidar diariamente com crianças e pessoas autistas. É preciso conscientizar, além de trazer todas as estratégias que auxiliam nos cuidados”, disse.
A presidente da Afagai, Ester Cristina, explica que a data é muito importante, pois é um momento de fazer o mundo se voltar para a questão do transtorno. Ela acredita que apesar de toda a divulgação sobre o tema, a sociedade ainda precisa conhecer mais a respeito  do autismo. “A sociedade ainda é leiga, não sabe o que é ou quais são os sinais. Por conta disso, as pessoas autistas acabam ganhando taxações preconceituosas”, declarou.
Lei nº 1776/2019
Dispõe sobre a obrigatoriedade de placas de atendimento prioritário à pessoas autistas em estabelecimentos públicos e privados de Imperatriz. A sinalização deve conter o símbolo mundial de conscientização do transtorno do espectro autista. Instituições financeiras, supermercados, farmácias, cinema, lojas e similares devem ter a placa.
Na luta por conquistas como essa, a entidade Afagai atua há 10 anos na cidade no objetivo de assegurar atendimento de qualidade e a garantia dos direitos dos autistas. A associação nasceu da união de familiares, cuidadores e profissionais da saúde, com o objetivo principal de proporcionar independência e produtividade para essas pessoas.
A transmissão será às 19h, no endereço: https://www.instagram.com/rededesaudementalitz/

Imagens:

Nenhum comentário:

Postar um comentário